O presidente dos EUA, Joe Biden, sancionou um projeto de lei na quarta-feira que impõe a proibição do TikTok nos Estados Unidos se a empresa chinesa ByteDance, proprietária do aplicativo, não conseguir remover a popular plataforma de vídeos curtos nos próximos nove meses a um ano.

A plataforma de mídia social ganhou popularidade significativa entre os jovens americanos de tendência esquerdista, um grupo demográfico crítico para Biden durante as eleições de novembro contra o ex-presidente Donald Trump. Após a sanção de Biden, o CEO da TikTok, Shou Zi Chew, expressou a esperança da empresa de vencer uma contestação judicial contra a legislação. Num vídeo postado momentos depois de Biden assinar a lei, ele afirmou: “Fique tranquilo, não vamos a lugar nenhum. Os factos e a Constituição estão do nosso lado e esperamos vencer novamente.”

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !
WhatsApp oficial 77 98838-2781 
Participe do nosso Grupo no WhatsApp
Siga nosso Instagram
Curta nossa Pagina no Facebook
Com Informações do Vitória da Conquista Notícias

Compartilhe: