O delegado da Seccional do Centro de São Paulo, Roberto Monteiro, responsável pelas buscas que levaram Lorraine Cutier Bauer Romeiro, de 19 anos, conhecida como “Gatinha da Cracolândia”, à prisão por tráfico de drogas nesta quinta-feira (22) afirmou que ela levava uma vida de luxo sustentada pelo tráfico.

Em relatórios da investigação ela aparece comercializando crack dentro de tendas no “fluxo” de usuários de drogas da Cracolândia, na região Central de São Paulo. A advogada de Lorraine, Ana Paula Soares, afirmou que ainda não teve acesso ao processo e quando tiver, se posiciona. “Ela agia como liderança do tráfico. Nós temos em cada tenda [na Cracolândia] em média dez mesas, que são alugadas de outros traficantes. E ela era líder de um desses segmentos, substituindo seu companheiro, que está preso também por tráfico. Ela ostenta um nível de vida alto, e tudo isso proveniente do tráfico de drogas”, afirmou.

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Siga nosso Instagram

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Lorraine foi presa por equipe da 77º Distrito Policial na casa do namorado, em Barueri, na Grande São Paulo, e admitiu envolvimento no tráfico e indicou o local onde armazenava as drogas em um prédio na rua Helvétia, na Cracolândia. Em uma mochila havia 85 porções de maconha, 295 de cocaína e oito de crack. Também foram localizados 97 frascos de lança-perfume e 16 comprimidos de ecstasy e R$ 750 em dinheiro. Depois do exame de corpo de delito, ela deve ser levada para o 89º DP. Assista a reportagem:

Abastecia hotéis, diz polícia

De acordo com o delegado Roberto Monteiro, Seccional Centro, Lorraine foi filmada pelos policiais, vendendo drogas no fluxo da Cracolândia. Ela também ajudava a abastecer os hotéis onde escondiam as drogas (veja foto abaixo). No local, as equipes encontraram produtos de crime e um esconderijo de drogas. O responsável pelo hotel será conduzido à delegacia.

Gatinha da cracolândia' é presa pela Polícia Civil de SP | Brasil | iG

Prisao

A Polícia Civil de São Paulo prendeu por tráfico de drogas nesta quinta-feira (22) Lorraine Cutier Bauer Romeiro, de 19 anos, conhecida como “Gatinha da Cracolândia”. Em relatórios da investigação ela aparece comercializando crack dentro de tendas no “fluxo” de usuários de drogas da Cracolândia, na região Central de São Paulo. A advogada de Lorraine, Ana Paula Soares, afirmou que ainda não teve acesso ao processo e quando tiver, se posiciona.

Gatinha da Cracolândia" foi flagrada com drogas no sutiã e na calcinha

Equipes do 77º DP da Santa Cecília cumpriram durante a manhã o mandado de prisão da “Operação Carontes” em Barueri, na Grande São Paulo. O namorado de Lorraine também está preso por tráfico. Segundo os investigadores, Lorraine confessou no momento da prisão que tinha drogas escondidas no Hotel Avaré, localizado na Rua Helvetia, na região da Cracolândia.

Perfis fakes da 'Gatinha da cracolândia' ganham milhares de seguidores

VÍDEO: 'Gatinha da Cracolândia' é presa em São Paulo acusada de tráfico de drogas | São Paulo | G1

Lorraine Cutier Bauer Romeiro, conhecida como "Gatinha da Cracolândia". — Foto: Reprodução/Instagram

Relatório da polícia mostra Lorraine em tendas na Cracolândia — Foto: Reprodução