O pai do jovem de 20 anos que morreu afogado na represa de Itupararanga, em Votorantim (SP), neste domingo (11), fez um desabafo nas redes sociais. Erick Elison da Silva se afogou quando tentava atravessar um braço da represa, conforme informaram os bombeiros que atenderam a ocorrência. Na publicação, Edmar Silva, que mora em Sorocaba (SP), escreveu:

“Hoje perdi parte do que mais amava, meu filho Erick, vítima de afogamento na represa de Votorantim. Hoje perdi meu filho vítima de desobediência aos pais. Agora só resta para minha esposa e eu enterrá-lo e assim vamos fazer. Só peço a todos os amigos dele que usem essa perda para que possam refletir sobre obediência aos pais, sobre ouvir o que os pais falam”.

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Siga nosso Instagram

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Rapaz morreu após se afogar na represa de Itupararanga, em Votorantim — Foto: Zaqueu Proença/Prefeitura de Sorocaba/Arquivo

O texto continua: “É correto e da natureza o filho enterrar os pais, nunca o contrário. Não foi falta de conselhos, nem de conversas, mas como todos os jovens, em determinado momento, deixam de ouvir os pais. Fica aqui o meu alerta: siga os conselhos e escutem seus pais. Evitem que eles passem por esse sofrimento”. A equipe de bombeiros informou que Erick tentou atravessar um braço da represa, que era de aproximadamente 75 metros, e acabou afundando. De acordo com os bombeiros, três mergulhadores foram acionados e encontraram o corpo do jovem pouco mais de uma hora após o afogamento. O enterro do jovem ocorreu na tarde desta segunda-feira (12). // TV Tem.

Pai faz relato após morte do filho em represa de Votorantim ‘vítima de desobediência aos pais’ — Foto: Reprodução/Facebook