Toda vida tem um valor inestimável. Porém, algumas mortes causam comoção maior. Muitas vezes este sentimento é consequência da forma como a pessoa se relaciona ou em função da maneira precoce que ela partiu. Foi o que aconteceu com a jovem mãe Laysa Macêdo, de 26 anos. Em menos de um mês após viver a alegria pelo nascimento do primeiro filho, ela não resistiu às complicações da Covid-19.

Laysa estava internada em um hospital de referência no tratamento a Covid-19 em Salvador, e faleceu na noite desta segunda-feira(5). Ela era casada e deixa um filho recém nascido. A notícia da morte da jovem causou muita comoção nas redes sociais de Bom Jesus da Lapa.

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Siga nosso Instagram

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Pode ser uma imagem de 1 pessoa e texto

“Nem consigo acreditar que você se foi! Como um vírus maldito pode Ceifar tantos sonhos! Você, em seu melhor momento, realizando o seu sonho! Ser mãe! Aí vem essa maldição e tira de você o direito de pegar seu filho no colo, sentir seu cheiro”. “Sentirei tanta saudades de você amiga, das suas risadas, das suas palhaçadas”. As vítimas do novo coronavírus de Bom Jesus da Lapa são mais do que estatísticas de uma pandemia, são rostos de mães, pais, irmãos, filhos e amigos, que construíram trajetórias de vida na cidade que amavam, e que deixarão um grande vazio. // Notícias da Lapa.

Pode ser uma imagem de 1 pessoa

Pode ser uma imagem de 1 pessoa