Wesley Ferreira Primo, de 30 anos, suspeito de ter matado a ex-namorada Raquel Bonfim de Santana Araújo, de 21 anos, a facadas, na Brasilândia, na Zona Norte de São Paulo, se entregou à polícia na manhã desta segunda-feira (27). O crime ocorreu no sábado (25) pela manhã após uma discussão entre o casal. Ele fugiu do local e se entregou dois dias depois.

Segundo informou a mãe do suspeito à Polícia Civil, o rapaz chegou em casa e contou a ela o que teria feito. “Acabei de fazer uma besteira, eu matei a Raquel”, relembrou a mãe. Informações preliminares da Polícia Civil indicam que ele passou de moto por cima do corpo de Raquel após dar as facadas.

O irmão de Raquel contou à polícia que, antes de sair para trabalhar, ela foi à casa de Wesley para buscar o celular, pois o ex-namorado teria pego o aparelho dela. Pouco tempo depois, o irmão recebeu um telefonema. Eram vizinhos avisando que Raquel havia sido esfaqueada. Testemunhas ainda contam que o relacionamento do ex-casal era turbulento, marcado por brigas. Eles chegaram a morar junto em uma casa na Rua Aurélio Brasil Ribeiro e, atualmente, estavam separados. // G1.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook