WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Abril 2020
D S T Q Q S S
« mar    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930  


:: ‘Sáude’

China já vive o “pós-pandemia”: 81 mil casos desceram para 7 mil, confirma OMS

Na sexta-feira, a Organização Mundial da Saúde (OMS) e autoridades chinesas anunciaram que, pela primeira vez desde dezembro, a cidade de Wuhan, epicentro da pandemia de covid-19, não registrou nenhum caso da doença em 24 horas. Aos poucos, a China respira cada vez mais aliviada e vislumbra a vida pós-coronavírus. Em quatro meses, o covid-19 deu a volta ao mundo, infectou mais de 250 mil pessoas e matou cerca de 10 mil.

“Não houve mais casos em Wuhan nas últimas 24 horas”, afirmou Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS, na sexta-feira. “A cidade dá esperanças ao restante do mundo de que mesmo as situações mais extremas podem ser superadas.” Após 81 mil casos de covid-19 na China, menos de 7 mil permanecem doentes. Na sexta-feira, o país registrou poucos novos registros, a maioria de pessoas que vieram de outros países – e apenas três mortes, o menor número desde que as autoridades começaram a divulgar os dados, em janeiro.

Com isso, na semana passada, o último hospital temporário montado em Wuhan foi fechado e a Apple anunciou a reabertura de todas as suas 42 lojas no país. Aos poucos, bares e restaurantes vão reabrindo em Xangai, especialmente no Bund, à beira do Rio Huangpu, zona boêmia da cidade. Em Pequim, o trânsito volta lentamente ao caos habitual e, em breve, o ar da capital ficará irrespirável de novo. Para Fausto Godoy, que foi embaixador do Brasil em países da Ásia e é coordenador do Núcleo de Estudos Asiáticos da ESPM, a recuperação chinesa se deve ao comportamento da sociedade. “Governo e população atuaram juntos e isso faz uma diferença brutal”, disse. “Na Ásia, em geral, o ser humano só se realiza em sociedade. Ou seja, temos valor quando agregamos algo à sociedade. Esse é um conceito fundamental para entender a reação dos asiáticos ao coronavírus.”

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

FOTOS: Vigilância Sanitária de Conquista monitora passageiros, no combate ao Coronavírus

Na manhã deste sábado (21), agentes da Vigilância Sanitária e Ambiental de Vitória da Conquista visitaram locais de embarque e desembarque de passageiros da cidade para uma ação de conscientização e prevenção à pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Os agentes visitaram o posto fiscal da Secretaria da Fazenda (Sefaz), localizado na BR 116, além da garagem da Viação Novo Horizonte.

Também foram visitadas a garagem da Viação Gontijo e o Terminal Rodoviário de Vitória da Conquista. Durante a visita, uma equipe da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), com o apoio do Tático Ostensivo Operatório – Polícia Rodoviária Estadual (TOR), fez a verificação da temperatura e condição de saúde de passageiros que chegavam à cidade em transportes interestaduais (ônibus e vans). Eles receberam dos agentes sanitários informações sobre o combate da epidemia e os canais de auxílio em caso da apresentação de algum sintoma. Durante a visita, nenhum caso suspeito foi detectado.

“Apesar de um número reduzido de pessoas na rodoviária, as orientações sobre a higienização dos locais, a correta assepsia das mãos, além de cuidados em evitar aglomerações são extremamente necessárias”, explica o coordenador da Vigilância Sanitária, Maico Mares. O coordenador ressalta ainda que todos profissionais de saúde estão empenhados em realizar ações para conter ou retardar a disseminação da contaminação do vírus na cidade.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Coronavírus: Viação Novo Horizonte suspende viagens por tempo indeterminado

A Viação Novo Horizonte suspenderá temporariamente as suas atividades na próxima segunda-feira (23), em cumprimento do Decreto nº 19.554, do Governo do Estado, que determina a suspensão da circulação e saída de transportes, por 10 dias, em mais cinco cidades (Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Guanambi e Vitória da Conquista), como medida preventiva contra a doença.

Em tempo, a Novo Horizonte reafirma seu compromisso de colaborar com o município de Vitória da Conquista e com o Governo do Estado, no controle da referida doença. As atividade poderão ser retomadas após 10 (dez) dias, conforme determinação das autoridades responsáveis. // Ascom-VNH, via Blog do Jorge Amorim.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Urgente: Decreto de Rui Costa interrompe trânsito no Sudoeste e fecha postos do SAC /

Imagem

Documento proibe o transporte de passageiros, no território que compreende municípios entre Luis Eduardo Magalhães e Vitória da Conquista.

Em razão da pandemia do coronavírus, o Governo do Estado publicou, neste sábado (21), o decreto nº 19.554, que determina a suspensão da circulação e saída de transportes, por 10 dias, em mais cinco cidades baianas, como medida preventiva contra a doença. A partir de 0h da próxima segunda-feira (23), está proibido qualquer transporte coletivo intermunicipal, público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans, nos municípios de Luís Eduardo Magalhães, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Guanambi e Vitória da Conquista. A última chegada (desembarque) está prevista para 9h de segunda-feira.

da Agerba ou do próprio município. De acordo com o decreto, publicado excepcionalmente em edição eletrônica do Diário Oficial, o descumprimento da suspensão importará na apreensão imediata do veículo, seja este usado em transporte público ou privado. As cinco cidades citadas tem ainda o atendimento presencial nos SACs suspenso a partir de 23 de março. Com esta publicação, as medidas restritivas do SAC e de transporte, visando prevenção e contenção da doença, passam a valer para 15 municípios baianos, conforme decretos anteriores. Os outros 10 são: Salvador, Camaçari, Lauro de Freitas, Simões Filho, Porto Seguro, Prado, Itabuna, Ilhéus, Itacaré e o Terminal de Bom Despacho, em Itaparica. // Secom.Bahia.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Coronavírus: Bolsonaro ordena ao Exército preparar estoque nacional de Cloroquina

O Brasil testará em pacientes com Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus, um remédio normalmente usado contra malária, mas que se mostrou promissor contra o vírus em testes iniciais em outros países, a Cloroquina. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) anunciou hoje a experiência será em um hospital particular de São Paulo. Assista:

– Hospital Albert Einstein e a possível cura dos pacientes com o Covid-19. pic.twitter.com/Aia4RzTVlp

— Jair M. Bolsonaro (@jairbolsonaro) March 21, 2020

“Agora há pouco profissionais do Hospital Albert Einstein me informaram que iniciaram um protocolo de pesquisa para avaliar a eficácia da cloroquina nos pacientes com Covid-19”, disse ele em postagem neste sábado (21/03). “E decidimos que o laboratório químico e farmacêutico do Exército deve imediatamente ampliar a sua produção desse medicamento, que, na última sexta, o presidente da Anvisa, Antonio Barra, decidiu que não poderá ser vendido a outros países“, completou.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Coronavírus: PMVC nega que irá fechar o comércio e faz alerta à população contra “fake news”

Imagem

O governo está empenhado em tomar medidas de prevenção e cuidado para a população de forma criteriosa, evitando prejuízos para todos os setores.

A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista vem a público informar que não existe nenhuma nova decisão legal a respeito das medidas de prevenção ao Coronavírus que não sejam os três Decretos publicados nesta semana: Decretos 20.190, de 16 de Março, 20.193 e 20.194, de 18 de março e o Decreto 20.198, de 20 de março do corrente ano.

Neste momento, o prefeito Herzem Gusmão, membros da gestão e de entidades ligadas à questão estão se reunindo para discutir as novas medidas que deverão ser tomadas. Não há, por enquanto, nenhuma nova decisão discorrendo sobre fechamento de estabelecimentos comerciais. O governo está empenhado em tomar medidas de prevenção e cuidado para a população de forma criteriosa, evitando prejuízos para todos os setores da comunidade conquistense. É importante ressaltar que a população e a imprensa devem procurar apenas os canais oficiais da Prefeitura para se informar das ações e cuidados desenvolvidos pela atual gestão no tocante ao COVID-19. Mensagens de internet e de grupos de WhatsApp não correspondem à realidade da situação nem dos fatos oficiais de governo. // Secom-PMVC.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Anagé: Prefeitura fecha acessos de entrada ao município em combate ao coronavírus

A Prefeitura Municipal de Anagé decretou o fechamento das vias de acesso à cidade. A medida, que começa a valer a partir deste sábado (21), será mantida até o dia 30 de abril. De acordo com o Decreto nº 13/2020, a circulação de pessoas de outras cidades será condicionada a uma vistoria sanitária realizada pela equipe de saúde municipal.

Para o enfrentamento da COVID-19, a Prefeitura de Anagé também estabeleceu o toque de recolher, que foi estipulado entre as 20h e as 6h, para a sede e zona rural. A determinação entrará em vigor no domingo (22) e ainda prevê multa em caso de reincidência.

O decreto também determina a suspensão das atividades de bares e restaurantes; toda e qualquer forma de encontro religioso presencial; comercialização no Mercado Municipal; academias; salões de beleza; centros de convivência; creches públicas; estabelecimentos de manutenção mecânica, elétrica, residencial e operacional; atividades esportivas coletivas; eventos públicos de qualquer natureza e vendedores ambulantes com venda de “porta em porta”.

Os estabelecimentos comerciais de produtos médicos e veterinários, gêneros alimentícios, distribuidoras de gás, funerárias, operação e manutenção de internet, água, luz, TV e telefone e postos de gasolina estão com suas atividades liberadas, desde que cumpram o funcionamento entre 8h e 18h. Os serviços de entrega em domicílio não têm limitação de horário.

Para o funcionamento de agências e correspondentes bancários, o decreto estabelece as seguintes medidas: apenas 10 atendimentos por vez, distância de um metro entre as pessoas, disponibilização de material para higienização do local e para uso do público. Em caso de não cumprimento das medidas determinadas, o estabelecimento poderá sofrer sanções de acordo com a circunstância do descumprimento. Fonte: Blog do Rodrigo Ferraz.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Coronavírus: Governador de Minas Gerais determina fechamento de todas as divisas

O governador Romeu Zema (Novo) anunciou que Minas Gerais entra a partir desta sexta-feira (20) em estado de calamidade pública e passará a adotar medidas mais duras para o combate à disseminação do coronavírus. Entre as medidas anunciadas pelo governador estão o fechamento das fronteiras de Minas Gerais para os transportes de passageiros de ônibus e trens e o fechamento de todas as escolas do Estado, sejam públicas ou privadas, por tempo indeterminado.

Em comunicado transmitido pelas suas redes sociais, Zema informou que o fechamento de estabelecimentos comerciais, com exceção dos considerados essenciais, serão válidos para todos os 853 municípios mineiros. “Com esse decreto de calamidade pública, passo a ter condições de tomar medida para todo o Estado e passo, então, a me sobrepor aos prefeitos”, explicou o governador. O decreto foi enviado para a Assembleia Legislativa de Minas (ALMG), mas, segundo o governador, ele já entra em vigor em situação excepcional. Segundo o governador, os fechamentos determinados nesta sexta-feira (20) tem prazo para vigorar até 10 de abril, mas podem ser prorrogados caso necessário.

Zema classificou ainda como “assassinos invisíveis” aqueles que não respeitarem as medidas para o combate ao coronavírus. “Estamos vivendo um momento único, excepcional. Gostemos ou não de mudar nossa vida. Não sabemos se (essa situação) vai durar mais 20 dias, ou 40, ou 60 dias. Mas ela está acontecendo. Parece que algumas pessoas não tomaram ciência da gravidade da situação. O mundo nunca viveu algo como isso. Nem nossos pais, nem nossos avós passaram por algo assim. A partir de segunda-feira, milhões de pessoas não poderão ir às escolas, lojas, shoppings e comércios. Vamos ter que abir mão de tudo em nome de salvar vidas”, afirmou. Segundo Mateus Simões (Novo), recém-nomeado secretário geral de Estado, a assinatura do decreto de calamidade no Estado só foi possível nesta sexta-feira (20), uma vez que o governo federal não havia decretado situação de emergência. “Precisávamos da autorização federal para que isso fosse feito. A votação de calamidade no Senado (na manhã desta sexta-feira) nos permitiu tomar a medida. O governador determinou, então, a expansão das medidas para todo o Estado”, explicou Simões. No entanto, em outros Estados alguns governadores já haviam tomado medidas como o fechamento de fronteiras e de estabelecimento comerciais. // O Tempo.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Coronavírus: PMVC estabelece comitê de crise e nega confirmação de caso em Conquista

Imagem

A Prefeitura ressalta que não foi confirmado nenhum caso da doença em Vitória da Conquista até o presente momento.

O Prefeito Municipal de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, instituiu nesta sexta-feira (20), por meio do Decreto nº 20.198, publicado no Diário Oficial do Município, a criação do Comitê de Gestão de Crise para enfrentamento das questões relativas à pandemia do Coronavírus.

Após a declaração de situação de emergência feita pelo Governo do Estado da Bahia nesta quarta-feira (18) e as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) sobre as condições de transmissão pandêmicas da infecção humana pelo Coronavírus, foram nomeados cinco membros para a formação do comitê, que serão responsáveis por disciplinar ações frente à crise. São eles: ALEXSANDRO NASCIMENTO COSTA, Secretário Municipal de Saúde; KAIRAN ROCHA FIGUEIREDO, Secretário Municipal de Administração, NADJARA LIMA REGIS, Procuradora Geral do Município, EDIVALDO SANTOS FERREIRA JÚNIOR, Chefe do Gabinete Civil, CLAUDIO RIBEIRO CARDOSO, Secretário Municipal de Trabalho, Renda e Desenvolvimento Econômico. A Prefeitura ressalta que não foi confirmado nenhum caso da doença em Vitória da Conquista até o presente momento. Entretanto, a confirmação em outras cidades do Estado e o rápido crescimento dos casos suspeitos faz com que seja prudente a tomada de ações preventivas. // Secom-PMVC.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Coronavírus: Anvisa restringe venda da hidroxicloroquina e cloroquina em todo país

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu nesta sexta-feira (20) enquadrar a hidroxicloroquina e cloroquina como medicamentos de controle especial. Segundo informações da Agência a procura por hidroxicloroquina aumentou depois que algumas pesquisas indicaram que o produto pode ser utilizado no tratamento do Sars-Cov-2. Mas não há nenhuma comprovação sobre o benefício da substância no tratamento do novo vírus.

As substâncias estão presentes em medicamentos contra a malária, reumatismo, inflamação nas articulações, lúpus, entre outros. A medida é para evitar que pessoas que não precisam do medicamento provoquem o desabastecimento do mercado. Na quinta (19) a Anvisa informou que os medicamentos que possuem a substância não são recomendados no tratamento da Covid-19. “Apesar de promissores, não existem estudos conclusivos que comprovam o uso desses medicamentos para o tratamento da Covid-19.

Assim, não há recomendação da Anvisa, no momento, para o uso em pacientes infectados ou mesmo como forma de prevenção à contaminação. Ressaltamos que a automedicação pode representar um grave risco à sua saúde.” – Anvisa. Com a nova determinação da Anvisa, os pacientes que já fazem uso de medicamentos com as substâncias poderão continuar utilizando a receita simples para a compra do produto durante o prazo de 30 dias. Na nova categoria, o medicamento só poderá ser entregue mediante receita branca especial em duas vias. Médicos que fazem a prescrição de hidroxicloroquina ou cloroquina já devem começar a utilizar este formato. A venda irregular em farmácias é considerada infração grave. // G1.

Clique aqui para receber notícias do WhatsApp !

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia