WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Março 2019
D S T Q Q S S
« fev    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘Geral’

Veja as principais manchetes dos jornais desta segunda-feira (31)

A Tarde
Inscrições para os colégios e creche da PM começam na próxima quarta

:: LEIA MAIS »

Míssil faz Brasil entrar em grupo seleto de países de 1º mundo

Fazia sol e calor, um céu sem nuvens e mar calmo, muito calmo – “quase um lago”, diria depois um tripulante da corveta V34 Barroso. Nesse cenário a Marinha do Brasil lançou pela primeira vez o míssil nacional antinavio Mansup, de longo alcance. Foi há pouco menos de um mês, a 300 km do litoral sul do Rio de Janeiro. Disparado a partir da corveta, o míssil, que mede 5,7 metros e pesa 860 quilos, voou a 1.000 km/hora bem próximo da superfície, acompanhando o movimento da água do mar. Caiu no ponto central das coordenadas programadas. Havia um alvo, o casco do G-27 Marajó, um navio-tanque de 13 mil toneladas, desativado há dois anos. Era só uma referência na operação. Não houve explosão. O Mansup do teste levava uma carga de sensores eletrônicos para fazer medições de telemetria. Em um ataque real, estaria recheado com até 180 quilos de explosivos de alto rendimento – o suficiente para afundar, por exemplo, uma fragata de 5 mil toneladas.
O Mansup é o primeiro modelo de uma família. A sequência prevê o Mansub, lançado por submarinos submersos a partir do mesmo tubo dos torpedos, e o Manaer, para aviões de combate e helicópteros pesados. O arranjo mais ambicioso, diz um especialista do Centro de Tecnologia da Marinha, é o Mansub. O míssil é acomodado dentro de uma cápsula, ejetada por uma carga de ar comprimido. Quando chega à superfície, um sensor digital reconhece essa condição e faz a ignição do motor. Os quatro novos submarinos diesel-elétricos brasileiros da classe do S-40 Riachuelo – recebido pela Força há duas semanas – e a também a variante nuclear vão incorporar o sistema. O programa de desenvolvimento começou há apenas dez anos. Até agora consumiu R$ 380 milhões. No dia do ensaio, uma zona de exclusão com o dobro de extensão do alcance máximo do míssil fora declarada com vários dias de antecedência para garantir ausência de tráfego marítimo durante a prova. A bordo, na sala do controle de fogo, a tripulação seguiu os protocolos de uma situação real. Iluminação reduzida, proteção extra, times completos. No “zero’”da contagem de disparo, apenas uma palavra, “Mansup!”, seguida da abertura do tubo de lançamento e do rugido do motor primário. O Mansup funciona em duas fases: um acelerador, o “booster”, dinamiza a etapa do ganho inicial de velocidade por poucos e intensos segundos até que entre em ação o propulsor principal. A navegação e o direcionamento são estabelecidos por meio de uma caixa de guiagem inercial, com radar interno ativo na etapa final da trajetória para afinar a precisão em relação ao objetivo. O míssil não é de cruzeiro, busca um alvo marcado, ou seja, não faz navegação própria até o impacto. Todavia, há pesquisas em andamento nos EUA e na China para permitir alguma capacidade desse gênero aos modelos Harpoon e Dragão de Seda, expandindo as possibilidades de emprego. A Marinha pretende liberar o Mansup para vendas internacionais. O empreendimento, sob a direção de agências oficiais, está sendo executado por quatro empresas do setor privado. A expectativa é de que ao menos dez nações da América do Sul, África, Ásia e Oceania considerem a substituição dos antigos Exocet B1 e B2. O preço comercial do míssil ainda não foi definido. O domínio do pacote de conhecimento sensível necessário à produção de mísseis antinavio coloca a indústria brasileira de equipamentos de defesa, de emprego militar, em meio a um clube formado por dez países. Os mais influentes estão lá, como EUA, Rússia e China. França e Suécia, parceiros das Forças Armadas, também. O Mansup é inspirado nos modelos franceses, que custam até US$ 2 milhões. É aí que o Mansup vai ter de encontrar espaço no mercado. (Estadão)

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Homicídio em Vitória da Conquista: Vanzeiro é assassinado a tiros no Miro Cairo

Foto: Blitz Conquista

Um homem identificado como  José Aldo Souza Oliveira, foi morto a tiros de revólver em Vitória da Conquista. O crime acontece na Via Principal do Miro Cairo, na manhã deste sábado (29). A vítima conduzia uma van quando foi surpreendido pelo atirador que fugiu em seguida. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência foi acionado e prestou os primeiros socorros, mas a José veio a óbito dentro do veículo. Unidades da 78ª Companhia Independente de Polícia Militar fizeram rondas pela região, mas até às 10 horas ninguém havia sido preso. O corpo, cuja identidade  foi oficialmente divulgado pelas autoridades policiais, será levado ao Instituto Médico Legal e as investigações estão a cargo da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Conquista: Tristeza, luto e revolta; familiares e amigos de Roberto William fazem desabafos

A rede social foi tomada por diversas mensagens de luto, tristeza e revolta. O jovem Roberto William foi morto a tiros durante uma confraternização de uma distribuidora no último fim de semana, no Bairro Conveima 2.

Segundo testemunhas, William ‘morreu de graça’. Um jovem muito querido, pai de duas crianças e a morte precoce deixa centenas de pessoas enlutadas.

O corpo dele já foi velado e sepultado, sob grande comoção.

Uma das amigas de Roberto escreveu um desabafo em uma página no Facebook. Leia:

O que dizer a vc meu amigo, se vc partiu e nos deixou assim, perplexos, sem condição de raciocínio?
Você combinou se encontrar com sua esposa e filhas mais tarde, tinha planos pra essa semana que se inicia, precisava colocar mais gasolina no carro e no meio da noite morre.
Como assim?
E as mensagens que ainda não leu, o telefonema que vc prometeu dar pela manhã para um cliente?
Não sei de onde tiraram essa ideia.
Morrer!!!
Só sei que dói, dói muito.
Você meu amigo, que passou por nós irradiando alegria, sempre com aquele sorriso maroto todo cheio de vida, sempre seguindo em frente. De uma hora pra outra termina, num disparo feito por um delinquente que por um acaso te acerta, te obrigando a sair no melhor da festa sem se despedir de ninguém . Sem abraçar as tuas filhas pela última vez, sem dizer a tua esposa ; tenha força, agora é com vc!
Sem dizer aos teus pais; pai, obrigado por tudo, valeu!
Mãe, está tudo bem!
Ah, como ela quer te abraçar, te beijar e te sentir respirando novamente!
Você deixou em casa suas camisetas penduradas no cabide, sua toalha úmida no varal, seus tênis espalhados pela casa.
Isso é pra ser levado a sério ?
Vc se foi mesmo?
Parece mais uma pegadinha macabra, daquelas bem sem graça. Morrer cedo é uma transgressão, desfaz a ordem natural das coisas.
Morrer é um exagero. É ridículo! 😥
Você deixou espalhado pelo caminho da sua vida amor, alegria, divertimento, quantas lágrimas rolam nos rostos de inúmeros amigos que vc conquistou na certeza de que a sua passagem entre nós, VALEU A PENA!
Vc será eterno em nossos corações.(Blog do Rodrigo Ferraz)

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Vagas de estágio vão crescer 10% até março

O Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) estima que no primeiro trimestre de 2019 haverá um acréscimo de 10% no número de vagas de estágio oferecidas em comparação aos 710 postos que surgiram no primeiro trimestre deste ano.

A entidade considera os três primeiros meses do ano a melhor época para os estudantes conseguirem um contrato. E o perfil dos selecionados está mudando. Cada vez mais as empresas procuram por jovens que chegam dispostos a oferecer soluções e não se contentem em serem apenas meros aprendizes.

“As empresas começam a se interessar mais com o fator comportamental dos estagiários do que com o currículo”, afirma Alessandro Salvatore, gerente regional do Nordeste do CIEE.
Iniciativa, facilidade de trabalhar em grupo e capacidade de apresentar resultados quando se está sob pressão formam as características mais valorizadas por recrutadores que passaram a enxergar o estagiário como alguém que deve ter voz ativa nas organizações.

Talentos

“As empresas precisam ter mais conexão com os programas acadêmicos”, avalia Luiz França, diretor de relações empresariais da ABRH-BA e diretor de RH e TI da Kordsa para a América do Sul. Ele avalia que é um grande erro manter estagiários fazendo atividades burocráticas.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Homicídio em Vitória da Conquista: Homem é assassinado na praça do cigano; estado de saúde da campainheira é considerado grave.

Uma casal foi baleado na noite desse domingo (23), na Av. Pará, próximo a ‘Praça dos Ciganos’, em Vitória da Conquista. O homem morreu no local.

O casal, Tarcísio e Nathália, saía de uma residência, quando sofreu a emboscada.

Populares disseram ter ouvido barulho de uma moto e os disparos.

A mulher foi atendida por Samu e encaminhada ao hospital de Base, o estado de saúde é considerado grave. Com informações do site Blitz Conquista

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Homicídio em Vitória da Conquista: Homem é assassinado durante confraternização

Um homem ainda não identificado foi baleado durante uma confraternização de empresa na noite de hoje (domingo) nas proximidades do Atacadão.

Segundo informações obtidas pela nossa reportagem, a vítima acabou se desentendendo com o autor dos disparos. Ele foi atingido, encaminhado ao hospital, mas não resistiu. A qualquer momento mais informações. Com informações do Blog do Rodrigo Ferraz

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Câmara gastará R$ 19,5 mi com novos cargos em 2019

A Câmara dos Deputados vai gastar R$ 19,5 milhões no próximo ano com a criação de 127 novos cargos para as lideranças partidárias. Na semana passada, deputados aprovaram um projeto com novas regras sobre a distribuição de assessores. Com base no texto e com o desenho da legislatura que assume em 1.º de fevereiro de 2019, há um crescimento no número de assessores e aumento nos gastos com pagamento de salários.O montante e o número de cargos estão previstos no Orçamento 2019.

O presidente da Casa, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), diz que não houve aumento do orçamento da Câmara. Segundo Maia, as despesas resultantes do projeto serão compensadas com o contingenciamento. Atualmente, pela regra vigente, dependendo do tamanho da bancada, os partidos podem ter de dois a 134 cargos, entre servidores e comissionados. O novo texto, que passa a valer já para a próxima legislatura, prevê que os partidos poderão ter de 18 a 108 cargos, dependendo do número de deputados eleitos. Pela regra antiga, partidos como MDB e o PR, por exemplo, poderiam ter 77 cargos em suas lideranças; agora, poderão ter 83. As legendas elegeram, respectivamente, 34 e 33 deputados nas eleições deste ano.

A nova regra prevê também que somente os partidos que conseguiram cumprir a cláusula de barreira terão acesso a cargos para suas lideranças. Dessa forma, PHS, Patriota, PRP, PMN, PTC, Rede e DC não terão direito por não terem atingido a cláusula nas eleições de 2018. Para terem direito, esses partidos precisam se unir a outros para cumprir as cotas relativas à cláusula de desempenho. Durante a aprovação do projeto, houve debate entre os parlamentares sobre o impacto do projeto. Maia rebateu e afirmou que não haveria aumento da despesa, e sim uma adequação, com cortes em investimentos. “Todas as despesas resultantes do projeto serão compensadas com o contingenciamento”, disse a assessoria de Maia.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Não há registro de brasileiros entre vítimas do tsunami na Indonésia, diz Itamaraty

O Ministério das Relações Exteriores não recebeu, até o momento, nenhum registro de brasileiros vítimas do tsunami que atingiu a Indonésia na noite de ontem (22) e matou cerca de 200 pessoas.

De acordo com o Itamaraty, a pasta não recebeu nenhum comunicado feito à embaixada brasileira em Jacarta nas horas seguintes à tragédia, mas a situação ainda está sendo monitorada.

O tsunami atingiu as regiões costeiras do Estreito de Sunda por volta das 21h45 deste sábado. De acordo com o porta-voz da Agência Nacional de Gerenciamento de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho, 745 pessoas ficaram feridas, 30 estão desaparecidas e 430 casas foram atingidas, além de nove hotéis.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Não há registro de brasileiros entre vítimas do tsunami na Indonésia, diz Itamaraty

O Ministério das Relações Exteriores não recebeu, até o momento, nenhum registro de brasileiros vítimas do tsunami que atingiu a Indonésia na noite de ontem (22) e matou cerca de 200 pessoas.

De acordo com o Itamaraty, a pasta não recebeu nenhum comunicado feito à embaixada brasileira em Jacarta nas horas seguintes à tragédia, mas a situação ainda está sendo monitorada.

O tsunami atingiu as regiões costeiras do Estreito de Sunda por volta das 21h45 deste sábado. De acordo com o porta-voz da Agência Nacional de Gerenciamento de Desastres, Sutopo Purwo Nugroho, 745 pessoas ficaram feridas, 30 estão desaparecidas e 430 casas foram atingidas, além de nove hotéis.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia