WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


:: ‘Educação’

A 5 dias do Enem, 20% dos candidatos ainda não consultaram locais de prova, diz Inep

Dos mais de 5 milhões de candidatos confirmados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, cerca de 20% ainda não consultaram o local onde prestarão a prova. O balanço, divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), foi calculado às 10h desta terça-feira (29).

A primeira prova do Enem será aplicada no próximo domingo, dia 3 de novembro. Até lá, os candidatos devem acessar o chamado cartão de confirmação – que traz o endereço de onde farão o exame. É necessário entrar na página do participante e digitar o CPF e a senha cadastrada na inscrição.

WhatsApp oficial 7798838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Conquista: Comunidade do Vila Elisa recebe creche e escola na próxima terça-feira

Terça-feira (29) será um dia de festa para os moradores do bairro Vila Elisa. A Prefeitura Municipal de Vitória da Conquista vai inaugurar duas unidades escolares: o Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) José Capitulino Teles* e a Escola Municipal Professora Neuza Vieira Silva*. A solenidade ocorrerá às 17h, na Avenida N, quadra 26.

O CMEI beneficiará cerca de 180 crianças, entre 2 e 5 anos de idade. Para construir o equipamento, foram destinados pelo Ministério das Cidades mais de R$ 1,7 milhão. A estrutura segue o padrão do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica (FNDE), com salas de aula e de professores, sanitários, cozinha, copa, depósito, dispensa, solário, lactário e lavanderia. Já a escola, funcionará nos turnos matutino e vespertino e terá seis salas de aula, sala de professores, sanitários, cozinha e pátio coberto. O investimento, também do Ministério das Cidades, foi superior a R$ 1,3 milhão.

Homenagens

O CMEI homenageará José Capitulino Teles. Natural de Laranjeiras (Sergipe), José Capitulino se mudou para Conquista, ainda jovem, em razão do casamento com Ede Martins de Souza Teles, com quem teve 19 filhos. Pecuarista, José Capitulino foi um comerciante de projeção em Conquista. Ele exerceu os cargos de delegado regional e auxiliar administrativo no Instituto de Educação Euclides Dantas (Escola Normal), onde se aposentou. Ele faleceu em 23 de janeiro de 1979, aos 70 anos.

Já a escola homenageia a conquistense Neuza Vieira Silva. Formada em Letras, pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (Uesb), começou a carreira como educadora física. Por quase 40 anos, foi professora de diversas escolas da rede pública da cidade, como o Abdias Menezes e a Escola Normal. Além disso, coordenou e foi vice-diretora da Escola Cavaleiro do Oriente. Neuza também deu aulas de ginástica aeróbica em academias da cidade e fundou a extinta ala feminina Filhas de Ruth na Maçonaria Cavaleiros do Oriente e o Centro Espírita Marcelo David. Amada por todos pela sua bondade, professora Neuza teve quatro filhos.

WhatsApp oficial 7798838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Colégio Militar de Vitória da Conquista entre os 10 melhores colégios militares do Brasil

O Colégio Militar de Vitória da Conquista voltou a fazer bonito e aparece entre os 10 melhores colégios militares do país, conforme ranking enviado ao Blog do Rodrigo Ferraz pelo Comandante do Comando do Policiamento Regional do Sudoeste (CPRS), Coronel Ivanildo, que não escondeu a felicidade pelo resultado.

Atualmente a instituição em Conquista tem como diretor geral o tenente coronel Antônio Roberto Pereira Braga.

Os números são baseados de acordo com o desempenho dos alunos na redação, conforme divulgamos a lista abaixo na íntegra:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Aulas no Ensino Médio terão 1h a mais a partir de 2020 na Bahia

Foto: Mauro Akin Nassor/ CORREIO

A carga horária dos estudantes da rede estadual será ampliada em 200 horas, passando de 800 h/ano para 1 mil h/ano. A mudança é uma das estratégias da Secretaria Estadual da Educação (SEC) para tentar melhorar o desempenho do Ensino Médio e vai representar, diariamente, 1h a mais dos jovens na escola. O subsecretário da Educação, Danilo Souza, diz que os detalhes dessa mudança estão em discussão e que, por isso, ainda não está definido se essa hora a mais será no começo ou no final das aulas. A inspiração para a mudança surgiu analisando outros países. O prazo para a conclusão do estudo é novembro deste ano e não está descartada a possibilidade de contratar mais professores. Leia mais AQUI.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

IFBA abre seleção para professores substitutos

Foto: Ascom/ Ifba

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) está com inscrições abertas para contratação de professores substitutos.

Ao todo, são 109 vagas, distribuídas em diversas áreas, entre elas, atendimento educacional especializado, artes, enfermagem, engenharia elétrica, física, matemática, informática, sociologia, filosofia e Língua Brasileira de Sinais.

Os interessados devem preencher um formulário online e pagar a taxa de inscrição, no valor de R$70. Os candidatos que desejam pedir isenção da taxa devem declarar e comprovar hipossuficiência de recursos financeiros, conforme edital.

As vagas são para os seguintes campi: Barreiras, Brumado, Euclides da Cunha, Eunápolis, Feira de Santana, Ilhéus, Irecê, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Lauro de Freitas, Paulo Afonso, Porto Seguro, Salvador, Santo Amaro, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Simões Filho, Ubaitaba, Valença e Vitória da Conquista.

Mais informações podem ser obtidas na página da seleção ou pelo e-mail [email protected]

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Universidade Positivo que faz parte de um dos 10 maiores grupos educacionais do Brasil, acaba de chegar em Vitória da Conquista

José Pio Martins, reitor da Universidade Positivo

Olha que bacana, a Universidade Positivo que faz parte de um dos 10 maiores grupos
educacionais do Brasil, acaba de chegar em Vitória da Conquista com
o polo de Educação a Distância, com cursos de graduação e pós-graduação.

Fizemos um material que levanta mitos  e verdades sobre o ensino a distância.  Você sabia que um a cada 5 estudantes matriculados no ensino superior no Brasil, estudam a distância?! Pois é. E, a modalidade só cresce.

10 mitos e verdades sobre EAD

O Ensino a Distância é visto por muitos como uma forma de tornar a educação mais acessível e levar o Ensino Superior a todos os municípios brasileiros. A ideia é, inclusive, amplamente defendida pelo presidente Jair Bolsonaro desde a campanha – mas ainda gera polêmica, especialmente em relação à eficácia da modalidade no aprendizado e também à qualidade do ensino ofertado. Nas redes sociais, muitas afirmações infundadas acabam por confundir ainda mais a opinião pública e muita gente não opta pela modalidade por falta de informação. Mas, afinal, o que é verdade e o que é mentira do que se tem falado? O reitor da Universidade Positivo, José Pio Martins, esclarece alguns pontos.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Universidades Baianas: Estado, universidades e ALBA assinam termo de compromisso para o fim da greve

Fotos: SEC | GOVBA

O Governo do Estado da Bahia, por meio da Secretaria de Relações Institucionais e da Secretaria da Educação do Estado, assinou com representantes do Fórum das Associação dos Docentes das Universidades Estaduais (Fórum das AD’s – UNEB, UEFS e UESB), na noite desta segunda-feira (10), um termo de compromisso objetivando o fim da greve nas universidades estaduais. Também assinaram o documento, membros da Comissão de Educação e o líder do governo na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA).

No documento, ficaram pactuados, de forma consensual, que o Governo do Estado da Bahia, após o fim da greve, enviará Projeto de Lei para a ALBA com proposta de reestruturação do quadro de vagas da carreira de professor, permitindo até 900 promoções. Também serão garantidos recursos da ordem de R$ 36 milhões para que as quatro universidades apliquem em Investimentos. 

Outro ponto acordado foi o pagamento dos salários mediante reposição das aulas, devendo o plano de reposição ser submetido a Reitoria da Instituição de Ensino e à Secretaria da Administração do Estado (SAEB). A proposta é que se a greve acabar até dia 14 de junho, o Estado garantirá o pagamento integral do salário do mês de junho/2019 e mediante execução do plano de reposição das aulas, será pago o mês de maio junto com o mês de julho, e, em sequência, os dias de greve do mês de abril serão pagos no mês de agosto mediante execução do plano de reposição de aulas.

Além disso, até 72 horas após o encerramento da greve, será instalada uma nova mesa para negociação de outros pontos colocados pelas AD’S envolvendo as outras secretarias de Estado, a exemplo da Fazenda (SEFAZ) e Administração (SAEB).

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destaca os avanços da negociação. “A intermediação da ALBA foi muito importante desde o início, com a presença do líder do governo e da Comissão de Educação nesta mediação para o acordo assinado aqui. E longe da gente querer extrapolar o nosso papel, nós sabemos que as AD´s irão para as assembleias e, com toda a autonomia, irão pautar e negociar isso com seus pares. Mas, avaliamos este momento de hoje como muito positivo. Acreditamos que este período serviu para ponderar aquilo que a gente acha importante, mas não abrimos mão de reconhecer a importância das universidades para o desenvolvimento da Bahia. Em momento algum, o governador ou qualquer órgão de governo duvidou disso. E estamos confiantes com os pontos pactuados”.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Começam nesta terça as inscrições para o ProUni

Foto: Reprodução

Começam nesta terça-feira (11) as inscrições do Programa Universidade para Todos (ProUni). Ao todo, serão ofertadas, para o segundo semestre deste ano, 169.226 bolsas de estudos em instituições particulares de ensino superior, sendo 68.087 bolsas integrais e 101.139 parciais. O prazo para participar da seleção vai até 14 de junho. A inscrição deverá ser feita pela internet, no site do Prouni.

Os participantes podem escolher até duas opções de curso. Durante o período de inscrição, o candidato pode alterar as opções. Será considerada válida a última inscrição confirmada.

As bolsas de estudo ofertadas pelo ProUni são parciais, de 50% do valor da mensalidade, e integrais, de 100%. As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo. Já as bolsas parciais contemplaram os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

Podem se inscrever candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Além disso, os estudantes precisam ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral.

É preciso ter obtido ainda uma nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas obtidas nas provas do Enem. O cálculo é feito a partir da soma das notas das cinco provas do exame e, depois, dividindo por cinco. Outra exigência é a de que o aluno não tenha tirado zero na redação.

Também podem participar do programa estudantes com deficiência e professores da rede pública.

Nota de corte

Diariamente o sistema do Prouni calcula a nota de corte, que é a menor nota para ficar entre os potencialmente pré-selecionados de cada curso, com base no número de bolsas disponíveis e no total de candidatos inscritos no curso, por modalidade de concorrência.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a nota de corte é apenas uma referência para auxiliar o candidato no monitoramento da inscrição. Ela não é garantia de pré-seleção para a bolsa ofertada. O sistema do Prouni não faz o cálculo em tempo real. A nota de corte é modificada de acordo com a nota dos inscritos.

Calendário

A divulgação do resultado da primeira chamada está prevista para 18 de junho. Já a segunda chamada será no dia 2 de julho.

O candidato pré-selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de ensino superior para comprovação das informações no período de 18 a 25 de junho, caso tenha sido selecionado na primeira chamada, e de 2 a 8 de julho na segunda.

O prazo para participar da lista de espera é de 15 a 16 de julho. A lista fica disponível no site para consulta pelas instituições no dia 18 de julho.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Conquista: Garotas se destacam no Concurso de Redação ‘Lápis na Mão’ da TV Sudoeste

O resultado do concurso de redação Lápis na Mão. foi divulgado nesta terça-feira (04), no Centro de Convenções Divaldo Franco. As meninas saíram na frente. Confira abaixo os nomes das vencedoras:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Estado libera mais de R$ 7 milhões para as universidades estaduais

Foto: Ilustrativa/ Geraldo Carvalho

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação (SEC) liberou R$ 7,5 milhões em recursos para a Universidade do Estado da Bahia (UNEB), Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS) e Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

A verba é destinada para a implementação do Programa Universidade para Todos (UPT) em 2019. De acordo com o secretário Jerônimo Rodrigues, o projeto está beneficiando 11.505 estudantes.

“Este programa tem um alcance enorme para a nossa juventude, chega a 143 municípios, em 26 Territórios de Identidade da Bahia. As aulas acontecem em 202 locais diferentes. Além disso, temos 67 professores e 298 servidores das universidades, selecionados por edital, envolvidos na sua execução. É bom lembrar que estamos falando de um programa que já possibilitou o ingresso de mais de 20 mil jovens no Ensino Superior”.

Com a assinatura dos contratos, a UNEB receberá R$ 4.812.500,00; a UESB, R$ 1.032.500,00; a UEFS R$, 743.750,00 e a UESC, R$ 411.250,00. Além das aulas, os alunos têm acesso aos projetos complementares, como seminários, oficinas, simulados, revisão para o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) e orientação vocacional. Para os cursistas da UNEB e UESB, que obtiverem frequência superior a 75% nas aulas, está garantida a isenção da taxa de inscrição no vestibular.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia