WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Março 2019
D S T Q Q S S
« fev    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: ‘Economia’

Conquista: Pague seu IPTU até 29 de março em cota única e ganhe 10% de desconto

Atenção, Vitória da Conquista! Está na hora de efetuar o pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Até o dia 29 de março, será disponibilizado um desconto de 10% para quem pagar o imposto em cota única. Para quem optar pelo parcelamento, será possível quitá-lo em nove parcelas – a primeira, com vencimento também no próximo dia 29; e a última, com pagamento programado para o mês de novembro.

A Prefeitura Municipal já enviou os carnês para todos os imóveis construídos da cidade. Ainda assim, se por algum motivo você ainda não teve acesso ao seu, é muito simples. Basta navegar no site da PMVC, informar o seu número de cadastro imobiliário (disponível em qualquer IPTU de anos anteriores) e imprimir o seu carnê. Ele pode ser pago em qualquer casa lotérica ou banco credenciado. Além disso, o carnê também está disponível na Secretaria Municipal de Finanças, localizada na Praça Tancredo Neves (ao lado da Catedral de Nossa Senhora das Vitórias), onde você será atendido das 8 às 17 horas. Para quem mora na zona oeste da cidade, neste ano o atendimento está mais fácil. O Governo Municipal instalou um posto de atendimento para o IPTU na Prefeitura da Zona Oeste (instalada no Centro Glauber Rocha, na avenida Brumado). Lá, você pode obter o seu carnê das 8 às 12 horas e das 14 às 18 horas.

Lembrando que para os imóveis cujo imposto está no valor de até 200 reais, foi emitido um boleto com o valor promocional da cota única. Mas, caso o proprietário desejar, também é possível efetuar o parcelamento em até nove vezes. Basta escolher um dos procedimentos descritos acima para ter acesso ao carnê com as parcelas. O secretário municipal de Finanças, Jonas Sala, explica a relevância do imposto para os serviços públicos: “É uma importante fonte de recurso para a Prefeitura custear diversos programas, diversas melhorias na cidade. Dentre elas, a manutenção de avenidas, de iluminação, de jardins. Inclusive como contrapartida para captar outros recursos federais.” Por isso, de acordo com ele, quem está em dia com o IPTU está ajudando a cidade a melhorar em todos os aspectos.

Entenda – A arrecadação do IPTU corresponde a uma das maiores receitas próprias da Administração Municipal. Para o cidadão, ele corresponde a um valor pequeno: é cobrado 1% em cima do valor do imóvel construído; 1,5% sobre terrenos murados; e 3% quando se trata de terrenos baldios. “Existe até certa diferença no valor de avaliação da Prefeitura e o valor que o mercado hoje está pagando pelos imóveis”, revela Sala.

Inadimplência – Quem não realizar o pagamento do IPTU terá o débito inscrito na Dívida Ativa, levando a uma cobrança judicial. “Isso acresce honorários de advogados, juros moratórios, multa; e o acúmulo do tempo, que eleva o valor da dívida”, explica o secretário de Administração. Jonas Sala também lembra que essa dívida estará vinculada ao imóvel, impossibilitando, por exemplo, se envolvimento em transações comerciais.

Por isso, escolha a forma de pagamento mais adequada e fique em dia com o seu IPTU. Para mais informações, ligue para (77) 3424-8551.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Consumidores terão redução de 3,7% nas contas de luz este ano

O empréstimo bilionário feito em 2015 pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) para evitar um reajuste muito alto nas contas de luz vai ter a amortização do financiamento antecipada para setembro deste ano.

Inicialmente, a quitação ocorreria apenas em abril do próximo ano. Desde o começo, ela é paga em parcelas por recolhimento de taxas nas contas de luz.

Com o fim da dívida, os consumidores vão economizar R$ 6,4 bilhões neste ano em contas de luz, o que deve reduzir em 3,7% as tarifas, em média.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Tabela de Preços: gasolina está mais cara em Vitória da Conquista chegando a R$ 4,73 e R$ 4,79

Foto: Blog do Anderson

A Petrobras anunciou que elevou em 0,90% preço médio da gasolina nas refinarias. A companhia também divulgou que manteve inalterado preço médio do diesel. Na manhã desta quinta-feira (14) as tabelas começaram a ser alteradas em Vitória da Conquista. Numa rede de postos, por exemplo, a gasolina passou de R$ 4,64 para R$ 4,73. A aditivada está por R$ 4,79. Circulando é possível encontrar uma tabela de preços difente da exposta aqui no Blog.

Inflação oficial sobe em fevereiro puxada por alimentação e educação

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que calcula a inflação oficial do país, ficou em 0,43% em fevereiro deste ano. A taxa é superior ao 0,32% em janeiro, segundo dados divulgados hoje (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O IPCA acumula taxas de 0,75% no ano e de 3,89% em 12 meses, de acordo com o IBGE. A inflação acumulada em 12 meses ficou pouco abaixo da meta da inflação do governo federal, que é 4,25%.

A inflação de fevereiro foi puxada principalmente pelos alimentos, que tiveram inflação de 0,78% no mês, e pelos gastos com educação, que cresceram 3,56% no período.

Entre os responsáveis pela alta de preços do grupo alimentação estão o feijão-carioca (51,58%), a batata-inglesa (25,21%), as hortaliças (12,13%) e o leite longa vida (2,41%).

Os gastos com educação foram puxados pelos reajustes praticados no início do ano letivo. As mensalidades dos cursos regulares subiram, em média, 4,58% e foram o item individual que mais contribuiu para o resultado do IPCA em fevereiro.

Também registraram inflação os grupos habitação (0,38%), artigos de residência (0,2%), saúde e cuidados pessoais (0,49%) e despesas pessoais (0,18%). Os custos com comunicação permaneceram estáveis em relação a janeiro.

Por outro lado, registraram deflação (queda de preços) os grupos vestuário (0,33%) e transportes (0,34%).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Veículos com placas de finais 1 e 2 têm desconto de 5% no IPVA em março

Os proprietários de veículos com placas de finais 1 e 2 na Bahia têm até o final do mês de março para pagar o Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) com 5% de desconto. Para obter o abatimento, eles devem quitar o IPVA em cota única até os dias 28 e 29, respectivamente.

Os motoristas também têm a opção de parcelar o imposto em três vezes, sem desconto. Para isso, é necessário pagar a primeira cota na mesma data em que ocorre o vencimento do desconto de 5%, ou seja, dia 28 para placa 1 e dia 29 para placa 2. O pagamento pode ser feito em qualquer agência do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, mediante a apresentação do número do Renavam.

Os débitos ligados à taxa de licenciamento e às multas de trânsito deverão ser pagos até a data de vencimento da terceira parcela. As dívidas anteriores do IPVA ainda não notificadas também podem ser divididas em três vezes, junto ao imposto deste ano. Porém, o proprietário que perder o prazo da primeira cota deixa de ter o direito ao parcelamento em três vezes.

Já o seguro obrigatório deverá ser pago integralmente até o vencimento da primeira parcela do imposto, caso seja feito o parcelamento. Mais detalhes estão disponíveis no site da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Novas regras para consignado de aposentados e pensionistas começam ainda este mês

Começam a valer no dia 31 deste mês as novas regras do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para empréstimos consignados a aposentados e pensionistas. A instrução normativa que regulamenta as mudanças havia sido publicada no dia 31 de dezembro, com prazo de 90 dias para entrar em vigor.

Com as normas mais rígidas, os bancos ficarão proibidos de procurar os novos beneficiários para oferecer crédito consignado durante seis meses após o recebimento do primeiro benefício. Além disso, todo aposentado e pensionista terá a contratação de consignado bloqueada nos primeiros três meses. Depois disso, deverá ir até a agência bancária solicitar o desbloqueio.

Pela instrução normativa, o segurado interessado no crédito deverá fazer uma pré-autorização para ter acesso à modalidade. O mecanismo funcionará por meio de um canal eletrônico, disponibilizado pela instituição financeira, em que o próprio aposentado, pensionista, ou representante legal deverá disponibilizar os dados. Com esse sistema, o INSS pretende combater fraudes no consignado, que muitas vezes é concedido sem autorização do segurado, segundo denúncias que chegam à Ouvidoria da Autarquia.

Além disso, a regulamentação determina ainda que as instituições financeiras ressarçam o INSS pelos custos operacionais com os créditos consignados, que envolvem desde gastos com Ouvidoria, até processos judiciais, por exemplo.

Um levantamento da autarquia estimou que, desde agosto de 2018, o valor a ser ressarcido pelos bancos seja de R$ 127 milhões. Os bancos que operam consignados aos aposentados e pensionistas do INSS terão que pagar, em parcelas mensais, o valor dessa despesa.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Governo reforça caráter facultativo de contribuição sindical

Através da edição da medida provisória 873, o governo do presidente Jair Bolsonaro reforça o caráter facultativo da contribuição sindical. O texto ainda extingue a possibilidade de o valor ser descontado diretamente dos salários dos trabalhadores. O pagamento agora deverá ser feito através de boleto, enviado àqueles que tenham previamente autorizado a cobrança.

A MP foi publicada em edição extra do Diário Oficial da União (DOU) de 1º de março. O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, explicou em sua conta no Twitter que a medida é necessária devido ao “ativismo judiciário, que tem contraditado o Legislativo e permitido a cobrança”.

Marinho é ex-deputado federal e, em 2017, foi relator da reforma trabalhista na Câmara dos Deputados. Foi ele quem incluiu no texto a medida que pôs fim ao imposto sindical, cobrança até então obrigatória a todos os trabalhadores. A contribuição sindical equivale ao valor recebido por um dia de trabalho.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Supermercado é o lugar que deve concentrar a maior parte das compras para o Carnaval

O Carnaval está chegando e muitos brasileiros já se preparam para a maior festa popular do país — seja para curtir os bloquinhos, seguir os trios elétricos ou apenas descansar durante o feriado prolongado. Um levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais mostra que seis em cada dez consumidores (62%) pretendem cair na folia pelos próximos dias. Entre os que devem participar das festividades, 37% acompanharão os blocos de rua, 17% vão a bailes em clubes ou boates, enquanto 12% planejam assistir aos ensaios das escolas de samba. Já 9% aproveitarão a festa atrás de trios elétricos e 9% querem desfilar na avenida. Em contrapartida, 27% disseram que ficarão de fora das festividades.

Por ser um feriado prolongado, o período de Carnaval acaba levando muitas pessoas a viajar. Dados da pesquisa apontam que 39% dos entrevistados devem sair de suas cidades na data, enquanto 31% aproveitarão as comemorações no próprio lugar onde moram e 20% ficarão em casa. Os locais de hospedagem mais citados são casa de familiares e amigos (37%), hotéis ou pousadas (28%) e apartamentos, sítios ou casas alugadas (16%).

Outro grande destaque deste Carnaval devem ser as redes sociais: 88% de quem vai entrar na folia pretende usar alguma rede social para postar ou interagir com outras pessoas e, entre estes, 70% admitem que são influenciados por postagens e comentários de amigos, famosos ou empresas para a compra de produtos ou serviços no Carnaval.

Gasto médio com a folia será de R$ 634; cerveja, comidas fora de casa, água e energéticos estão entre produtos mais procurados

No total, o gasto médio do consumidor durante todo o período de Carnaval deve ser de R$ 633,97, mas 40% dos entrevistados ainda não definiram a quantia. O consumo de bebidas, como cerveja (49%), água, sucos ou energéticos (46%) e refrigerantes (42%), além de comidas ou lanches fora de casa (49%) e itens para churrasco (40%) serão os produtos mais consumidos no Carnaval deste ano. Os que vão comprar fantasias ou adereços formam 28% da amostra. Considerando os serviços, dentre os mais procurados, destacam-se bares e restaurantes (40%), táxis ou serviços de transporte por aplicativos (37%), ingressos para festas (21%) e hospedagens em hotéis ou pousadas (17%).

Para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, o Carnaval representa um grande potencial de negócios para os empresários. “Mais do que uma grande festa, o Carnaval impulsiona muitos setores da economia, especialmente o comércio e serviços, além da indústria do turismo, que comemoram o enorme alcance da data e se preparam para atender a uma demanda de consumo diversificada”, afirma a economista.
63% dos foliões concentrarão compras em supermercados; lojas de rua e internet também aparecem entre principais lugares 

supermercado é o lugar que deve concentrar a maior parte das compras ligadas ao Carnaval, com 63% das menções. Em segundo lugar aparecem as lojas de rua (32%) e em terceiro a internet ou lojas virtuais (23%). O comércio ambulante vem em seguida, com 20%. Além disso, sete em cada dez (69%) consumidores afirmaram que vão pesquisar preços antes de comprar, seja produtos e serviços (51%) ou custo com viagens (20%).

O levantamento também revela que 66% dos entrevistados têm a sensação de que os produtos e serviços ligados ao Carnaval custarão mais caros este ano em relação ao ano passado. Quanto às despesas com comida e bebida, a pesquisa indica que a maioria tem a intenção de pagar à vista, seja em dinheiro (64%) ou no cartão de débito (46%). Para quem vai viajar, o dinheiro será a principal forma de pagamento (47%), enquanto 40% pretendem optar pelas parcelas no cartão de crédito e 35% pelo cartão de débito.

21% dos consumidores não sabem se despesas caberão no bolso; Carnaval de 2018 deixou 13% dos foliões com nome sujo

A pesquisa demonstra que a empolgação com os gastos de Carnaval pode comprometer as finanças do brasileiro. Apesar de a maioria dos gastos (78%) dos foliões estarem dentro do orçamento, 21% das pessoas ouvidas disseram que vão aproveitar a data mesmo sem ter estipulado um limite de gastos ou guardado dinheiro para isso.

De fato, 27% dos consumidores que terão gastos no Carnaval deste ano admitem extrapolar o orçamento quando festejam a data, sobretudo com comidas e bebidas (20%). Um dado preocupante é que 30% dos que vão ter gastos no Carnaval deste ano possuem contas em atraso e entre estes a maioria (71%) possui o CPF em cadastros de inadimplentes.

O Carnaval passado mostra que o excesso de gastos não planejados no orçamento pode complicar a vida financeira do consumidor. Dados do levantamento revelam que 13% dos brasileiros que fizeram compras na folia de 2018 ficaram com o nome sujo.

O educador financeiro do portal ‘Meu Bolso Feliz’, José Vignoli, alerta para os excessos durante a folia e que podem custar caro ao bolso do consumidor. “O Carnaval é um momento de descontração, mas se deixar levar pela empolgação, o risco é passar o resto do ano com dívidas que vão comprometer o orçamento. É necessário planejar os gastos com antecedência e evitar que a festa de alguns dias se transforme em um pesadelo de vários meses”, orienta Vignoli. Fonte: CNDL

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Cumprimento do Plano de Carreira: mais 20 servidores recebem enquadramento conforme a lei

Foto: Paulo Galvão Filho

A Prefeitura Municipal de Cruz das Almas, por meio da Secretaria Municipal de Administração, em cumprimento ao que determina o Plano de carreira dos Servidores Municipais, Lei 2454/2015, realizou no mês de fevereiro, o enquadramento de mais 20 (vinte) servidores, na ordem de protocolo, totalizando até o momento 120 (cento e vinte) servidores.

O escalonamento acontece desde o mês de setembro do ano passado. Assim o Governo do Povo reafirma seu compromisso com os servidores municipais, que têm um papel importante na municipalidade, ao mesmo tempo em que garante o equilíbrio e controle das contas públicas.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Conquista: Sem regulamentação, taxistas já perderam 60% das corridas efeito Aplicativos

A frota de táxis conta com 366 carros, mas as dos aplicativos chegam aos 1.000 na Capital do Sudoeste Baiano. Ainda sem a regulamentação o Sindicato dos Taxistas  [Sindicato dos Condutores Autônomos de Veículos Rodoviários de Vitória da Conquista- SINCAVIR] contabiliza prejuízos em seus faturamentos. De acordo com o presidente do Sindicato, Valter Oliveira Freire, conhecido como Valtinha, a queda nas corridas chega à casa dos 60%.A expectativa da categoria é de retomada com a Regulamentação do Transportes de Passageiros e também com o cumprimento da promessa com a contratação de serviços dos taxistas a diversos setores após o cancelamento de locações dos automóveis. Veja a reportagem gravada na tarde desta quinta-feira (28) num encontro casual na Praça da Saudade.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia