WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Fevereiro 2019
D S T Q Q S S
« jan    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
2425262728  


:: ‘Brasil’

Pesquisa indica que redução de uso do Facebook torna as pessoas mais felizes; entenda

Uma pesquisa de acadêmicos das universidades de Stanford e de Nova York, nos Estados Unidos (EUA), mostrou impactos positivos em pessoas que pararam de usar a rede social Facebook durante um período. O estudo verificou entre os entrevistados um aumento do “bem-estar”, melhoria na socialização offline, redução da polarização política e uma queda do tempo de presença na plataforma após o fim do levantamento.

O trabalho, que envolveu 2,8 mil pessoas residentes nos EUA, constatou que a interrupção reduziu o tempo em redes sociais, “liberando” em média uma hora por dia dos participantes. Eles relataram ter se dedicado a outras atividades, como assistir televisão e socializar com familiares e amigos.

Os autores também examinaram o acompanhamento de notícias e o engajamento político, incluindo a polarização das pessoas envolvidas. Esse último termo mostra a intensidade de discordância de pontos de vista, fenômeno indicado por outros estudos como um dos efeitos do uso de redes sociais diversas.

Foi observada uma queda de 15% no tempo dedicado a notícias. As pessoas fora da rede social acompanharam menos questões de atualidade política e iniciativas de governantes, como do presidente Donald Trump. Os autores não conseguiram detectar impacto na participação política, como a decisão de não participar das eleições legislativas norte-americanas.

Contudo, o estudo verificou uma diminuição da polarização e exposição a mensagens com conteúdos de críticas fortes a determinadas visões políticas. Houve queda no índice formulado pelos autores. Contudo, eles alertam para o fato de que esse resultado não foi significativo e não pode ser generalizado como uma mudança de postura em relação a temas como o partido de preferência, por exemplo.

Bem-estar

Também foram analisados indicadores relacionados ao bem-estar das pessoas que participaram do estudo. “A desativação da rede social trouxe pequenas, mas significativas melhorias no bem-estar e, em particular, em registros de felicidade, satisfação de vida, depressão e ansiedade”, concluíram os acadêmicos. Na escala utilizada, esses impactos foram equivalentes a cerca de 25% a 40% de efeitos percebidos em intervenções psicológicas, como terapias individuais e em grupo.

Uso do Facebook

Outro ponto avaliado foi a continuidade do uso do Facebook pelos participantes. Eles relataram, em média, um tempo na plataforma 23% menor do que o dispendido pelas pessoas que não desativaram as contas e também foram acompanhadas no estudo. “Os participantes relataram que estavam passando menos o Facebook, tinham desinstalado o app de seu telefone e estavam fazendo um uso mais decidido da plataforma”, diz o texto.

Segundo os autores, essas respostas vão ao encontro da percepção de impactos positivos na vida dos usuários, ao encerrar ou reduzir o engajamento na rede social. “A desativação fez com que as pessoas apreciassem mais o Facebook, tanto em seus impactos positivos quanto negativos em sua vida”, destaca a pesquisa.

Procedimentos

O levantamento avaliou 2,8 mil usuários da rede social e convidou-os a interromper o uso durante um mês, especificamente na reta final das eleições legislativas promovidas no ano passado nos Estados Unidos. Foram avaliadas tanto pessoas que desativaram seus perfis quanto aquelas que não o fizeram, técnica chamada em pesquisas de “grupos de controle”.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Mourão diz que reforma da Previdência segue este mês para o Congresso

General Hamilton Mourão, candidato a vice-presidente na chapa de Jair Bolsonaro. (Foto: reprodução Globonews)

O texto da reforma da Previdência que está sendo costurado pelo governo passará pelo crivo do presidente Jair Bolsonaro e deve ser encaminhado ao Congresso Nacional até a segunda quinzena deste mês. A informação foi dada pelo vice-presidente Hamilton Mourão que, na manhã de hoje (5), coordenou a quinta reunião do Conselho de Governo, que tem se reunido periodicamente no Palácio do Planalto.

“Temos que aguardar a alta dele, que pode ser no fim de semana ou início da semana que vem. Acredito que até a segunda quinzena [a proposta] deve ser enviada ao Congresso”, disse.

O assunto, que tem sido tratado como prioridade pelo Executivo para ajuste das contas, foi tema também do encontro dos 22 ministros. Segundo Mourão, detalhes como idade mínima não foram tratados e serão decididos por Bolsonaro, que está internado em São Paulo, após cirurgia para retirada de uma bolsa de colostomia.

Mourão antecipou que o ministro da Secretaria de Governo, Santos Cruz, está preparando um plano de comunicação para apresentar a proposta mais claramente à população. O vice-presidente descartou a realização de uma pesquisa sobre os tópicos incluídos no texto. “Às vezes, as pessoas não têm todos os dados do que é melhor para o país como um todo”, explicou.

As visitas ao presidente Jair Bolsonaro foram adiadas a pedido da família, mas Mourão acredita que qualquer decisão imediata poderá ser tomada pelo próprio presidente e que não será necessário assumir temporariamente a cadeira máxima do Executivo por ora.

Brumadinho
Hamilton Mourão acrescentou que o conselho de ministros conversou também sobre o término das operações de buscas em Brumadinho, Minas Gerais, após o rompimento da barragem de rejeitos da Mina Córrego do Feijão. “Nos preocupa e a todas as famílias”, lamentou o vice-presidente..

Para Mourão, o governo está concentrado agora em implementar as medidas anunciadas que abrangem o monitoramento e reavaliação da situação de todas as barragens do país para evitar novos desastres. “Implementar o que foi decidido, senão ficamos no terreno das boas intenções, que foi o que aconteceu em governos anteriores”, acrescentou.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Versão eletrônica da CNH já pode ser baixada de graça; saiba como fazer

O Departamento Estadual de Trânsito (Detran) informou, nesta terça-feira (5/2), que os motoristas baianos já podem emitir a versão eletrônica da Carteira Nacional de Habilitação (CNH-e) de modo gratuito e sem precisar ir até o Detran.

Para realizar o procedimento, o cidadão precisa possuir a carteira impressa com o código bidimensional (QR-Code) e baixar o aplicativo oficial da CNH-e, disponível no site do Departamento Nacional de Trânsito, nas versões iOS e Android.

Em seguida, ele deve cadastrar a carteira e criar uma senha para acessar o documento no celular ou tablet. Não é preciso ter certificado digital nem pagar nenhuma taxa pelo serviço.

Para o motorista que ainda não tem a carteira com QR-Code e deseja obter a CNH-e, é necessário tirar a segunda via da habilitação no Detran (R$ 69,92), que vem com o código de segurança, para garantir o acesso ao procedimento eletrônico no site do Denatran.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Brumadinho pode ter surto de doenças infecciosas, diz Fiocruz

AP Photo/Andre Penner

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) concluiu que a população afetada pelo rompimento da barragem em Brumadinho corre risco de surto de doenças como febre amarela, dengue, esquistossomose e leptospirose.

Em estudo publicado hoje (5) e divulgado pelo G1, a Fiocruz acrescenta que também pode haver agravamento de doenças respiratórias, problemas de hipertensão e transtornos mentais como depressão e ansiedade.

Segundo o pesquisador Carlos Machado de Freitas, um dos responsáveis pelo levantamento, os efeitos podem começar a ser sentidos já nas próximas semanas, mas alguns serão vistos apenas a longo prazo — como, por exemplo, a contaminação por chumbo, cádmio e mercúrio.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Veja as principais manchetes dos jornais desta quarta-feira (06)

A Tarde
Nota Premiada Bahia fará sorteio de R$ 1 milhão em março

:: LEIA MAIS »

Ele faz 62 km com 1 litro de gasolina: Novo Golf GTE será lançado no Brasil em 2019

volkswagen-golf-gte-passat-gte-e-e-golf-salao-de-sp-2018-3-696x392

A nova ordem mundial na montadora Volkswagen é investir em carros “verdes” em todos os mercados, tanto que trabalham em uma linha de modelos elétricos chamada I.D., que será lançada nos próximos anos. Enquanto isso não acontece, a marca prepara o lançamento de modelos híbridos e elétricos no Brasil. O primeiro deles será o Golf GTE, versão híbrida do hatch médio, confirmada para o 2º semestre de 2020 e que está sendo exibido no Salão de São Paulo, ao lado do elétrico e-Golf e do híbrido Passat GTE.

O Volkswagen Golf GTE é uma velha promessa da marca, tanto que já foi exibido antes no Salão do Automóvel e foi avistado inúmeras vezes pelas ruas brasileiras. O atraso, segundo a fabricante, deve-se aos testes de adaptação do carro para o mercado brasileiro, não só de seu motor (para aceitar a mistura de gasolina com etanol) como de suspensão.

É equipado com o motor 1.4 TSI de 150 cv da versão topo de linha do hatch no Brasil, com um segundo motor elétrico para gerar um total de 204 cv. As baterias podem ser carregadas com o movimento do carro ou com uma tomada, levando três horas e meia em uma tomada normal e duas horas e meia em uma estação de carga. No modo elétrico, o Golf GTE roda por 50 km, enquanto no modo híbrido ele pode fazer até 62,5 km/l, de acordo com a fabricante.

Será oferecido da mesma forma que o Golf Highline, com todos os equipamentos possíveis para o hatch, como a central multimídia com tela de 9,2 polegadas e controle por gestos, painel de instrumentos digital e mais. A Volkswagen ainda não fala sobre preços

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Bolsonaro tranquiliza população e ataca “militância maldosa”

O presidente Jair Bolsonaro usou as redes sociais na manhã desta terça-feira (5/2) para tranquilizar seus eleitores. Em postagem no Twitter, por volta das 9h45, Bolsonaro falou sobre seu estado de saúde. Ele disse estar bem, apesar de ter sua alta médica adiada. Inicialmente, ele deixaria o hospital nesta quarta-feira (6/2). Porém, terá que permanecer por mais uma semana.

O presidente Jair Bolsonaro usou as redes sociais na manhã desta terça-feira (5/2) para tranquilizar seus eleitores. Em postagem no Twitter, por volta das 9h45, Bolsonaro falou sobre seu estado de saúde. Ele disse estar bem, apesar de ter sua alta médica adiada. Inicialmente, ele deixaria o hospital nesta quarta-feira (6/2). Porém, terá que permanecer por mais uma semana.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Bombeiros baianos trabalham em áreas de até 20m de profundidade na busca por corpos em Brumadinho

Os bombeiros da Bahia enviados a Brumadinho (MG) estão atuando, junto com a corporação mineira, em áreas de até 20 metros de profundidade para buscar os corpos dos mais de 190 desaparecidos após o rompimento da barragem da Vale no último dia 25. São 31 profissionais baianos que estão trabalhando cerca de seis horas por dia para dar um sossego às famílias das vítimas que ainda não foram encontradas, já que a angústia do desaparecimento, por vezes, é pior do que a certeza da morte.

Após uma chuva forte pela manhã, as buscas foram retomadas na tarde desta segunda-feira (4). Segundo os especialistas, a chance de achar sobreviventes é mínima. Até o momento foram contabilizados 134 mortos, sendo 120 deles identificados, e 199 desaparecidos.

A barragem da Vale se rompeu no dia 25 de janeiro e toneladas de lama saíram destruindo o refeitório e o prédio da mineradora, além de uma pousada, diversas casas, vegetação e rio da região.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Mamografias periódicas reduzem em 60% taxa de mortalidade por câncer de mama

Um estudo sueco mostrou que a realização periódica de mamografias reduz em 60% a taxa de mortalidade – 10 anos após o diagnóstico – de mulheres com câncer de mama, em comparação àquelas que não fazem o exame regularmente. Segundo o levantamento, a redução da mortalidade foi de 47% em 20 anos após o diagnóstico, usando a mesma base de comparação.

Para lembrar o Dia da Mamografia, comemorado nesta terça-feira (5), a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) chama a atenção das mulheres para a necessidade de fazer o exame com frequência, já que a pesquisa indicou que as pacientes que fizeram o rastreamento tiveram a vantagem adicional da detecção precoce e receberam benefícios muito maiores, como terapias menos agressivas e menos mutiladoras.

“A diferença é atribuída à detecção precoce e ao tratamento em uma fase inicial da história natural do câncer de mama entre as mulheres que realizavam mamografia regularmente. Embora tenha sido dada muita atenção aos potenciais danos da participação de rastreamento mamográfico regular, pouca atenção foi dada aos danos de não participar do rastreamento regular”, disse o presidente da Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM), Antonio Frasson.

Segundo a Agência Brasil, Frasson afirmou que o maior dano por não fazer a mamografia regularmente é o aumento significativo do risco de morte, além de aumentar a possibilidade de a mulher ter um câncer de mama avançado, com necessidade de cirurgias mais extensas, com mais riscos e radioterapia e quimioterapia mais agressivas.

“Essas mulheres experimentam efeitos físicos e cognitivos adversos significativos e duradouros. Para cada morte por câncer de mama evitada pelo rastreamento mamográfico, uma mulher será poupada dos estágios terminais da doença e ganhará uma média de 16,5 anos de vida”, explicou.

A SBM recomenda que a mamografia seja feita anualmente para as mulheres a partir dos 40 anos.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Fundação Bradesco oferece cursos profissionalizantes de curta duração a distância

A Escola Virtual, plataforma de educação online criada pela Fundação Bradesco, disponibiliza mais de 95 cursos profissionalizantes gratuitos, totalmente a distância e com certificado autenticado – para isso o aluno deve alcançar, no mínimo, 70% de aproveitamento do curso. Não é necessário ter conta no Banco Bradesco ou fazer algum tipo de processo avaliativo para ter acesso aos cursos. Basta ter mais de 14 anos, possuir um e-mail ativo e ter acesso a internet. No final do texto, você encontrará uma lista com todos os cursos disponíveis no portal.

Criada em 2001, a Escola Virtual oferece cursos livres no modelo e-Learning – ou seja, totalmente voltado para aprendizagem em plataformas eletrônicas. Os cursos são 100% a distância e divididos em diferentes áreas como Administração, Contabilidade e Finanças, Informática, Desenvolvimento Pessoal e Profissional, e Educação e Pedagogia.

De acordo com a Fundação Bradesco, a missão da Escola Virtual é “possibilitar a aprendizagem ao longo da vida através do oferecimento de percursos formativos didaticamente organizados, capazes de gerar engajamento por meio do uso de recursos multimídia e exercícios interativos”.

Inscrição Fundação Bradesco 2019
Não há prazo para o termino das inscrições da Fundação Bradesco 2019, assim como as vagas também são ilimitadas. É necessário realizar um cadastro rápido na plataforma e escolher o curso de interesse. O estudante deve ter acima de 14 anos, possuir CPF e acesso à internet. Os cursos devem ser concluídos no período de um mês. Para ter acesso aos certificados, é necessário ter aproveitado acima de 70% do curso. A impressão do documento fica por conta do estudante.

Gosta de estudar? Que tal uma graduação?
Outra plataforma de ensino que oferece cursos a distância, semipresenciais e presenciais é o Educa Mais Brasil. Em parceria com o Correio, o Educa Mais disponibiliza centenas de oportunidades com bolsas de estudo de até 70% de desconto nas modalidades de educação superior. Basta acessar o site do Educa Mais Brasil, pesquisar sobre a graduação ou pós que deseja e clicar em “Quero esta Bolsa”. Após o curso, o estudante não precisa pagar mais nada.

Lista de cursos da Fundação Bradesco por áreas de interesse:
Administração
Empreendedorismo e Inovação

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia