WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Janeiro 2019
D S T Q Q S S
« dez    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  


:: ‘_destaque3’

Metade das prefeituras gasta menos de R$ 403 ao ano na saúde

Levantamento divulgado hoje (21) pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) revela que cerca de 2.800 municípios brasileiros gastaram menos de R$ 403,37 na saúde de cada habitante durante o ano de 2017. A análise mostra que esse foi o valor médio aplicado por gestores municipais com recursos próprios em Ações e Serviços Públicos de Saúde declaradas no Sistema de Informações sobre os Orçamentos Públicos em Saúde (Siops).

De acordo com os números, municípios menores, em termos populacionais, arcam proporcionalmente com uma despesa per capita maior. Em 2017, nas cidades com menos de 5 mil habitantes, as prefeituras gastaram em média R$ 779,21 na saúde de cada cidadão – quase o dobro da média nacional identificada.

Os municípios das regiões Sul e Sudeste foram os que apresentaram maior participação no financiamento do gasto público em saúde – consequência, segundo o CFM, de sua maior capacidade de arrecadação.

Ranking nacional
Com apenas 839 habitantes, o município de Borá (SP) lidera o ranking de gastos per capita na saúde, com R$ 2.971,92 gastos em 2017. Em segundo lugar aparece Serra da Saudade (MG), cujas despesas em ações e serviços de saúde alcançaram R$ 2.764,19 por pessoa.

Na outra ponta, entre os que tiveram menor desempenho na aplicação de recursos, estão três cidades de médio e grande porte, todas situadas no estado do Pará: Cametá (R$ 67,54), Bragança (R$ 71,21) e Ananindeua (R$ 76,83).

Entre as capitais, Campo Grande assume a primeira posição, com gasto anual de R$ 686,56 por habitante. Em segundo e terceiro lugares estão São Paulo e Teresina, onde a gestão local desembolsou, respectivamente, R$ 656,91 e R$ 590,71 por habitante em 2017.

Já as capitais com menor desempenho são Macapá, com R$ 156,67; Rio Branco, com R$ 214,36; Salvador e Belém, ambas com valores próximos de R$ 245 por pessoa.

A lista completa de municípios que participaram do levantamento pode ser acessada aqui.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Lauro de Freitas: Testemunhas rejeitam versão da PM, que confirma um bandido morto. VÍDEO

Um homem morreu e outros dois ficaram feridos após um tiroteio envolvendo policiais militaresno bairro de Portão, no município de Lauro de Freitas, região metropolitana de Salvador, no final da manhã deste domingo (20). De acordo com a Polícia Militar, uma guarnição fazia rondas em uma localidade conhecida como “Pé Preto”, quando se deparou com 15 homens armados próximo a um matagal. O tiroteio teria começado pelo grupo, com a aproximação dos policiais. Três homens ficaram feridos na suposta troca de tiros. Segundo a polícia, eles foram socorridos para o Hospital Geral Menandro de Faria, mas um deles não resistiu aos ferimentos e morreu a caminho do hospital. Imagens mostrariam um jogador atingido e muita revolta:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Sobe para 399 número de presos por ataques no Ceará

Subiu para 399 o número de pessoas presas ou apreendidas por suspeita de participação na onda de ataques no Ceará desde o dia 2 de janeiro, segundo balanço da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do estado divulgado hoje (19).

Desde o início da onda de violência, que atinge municípios em todo o estado, suspeita-se que a ordem para os ataques parta de presídios onde estão líderes de facções criminosas.

Na madrugada deste sábado, décimo oitavo dia de ataques, criminosos provocaram uma explosão em uma ponte em Fortaleza. Ontem (18), três homens foram presos após incendiar um ônibus na capital.

As ações de facções criminosas deixaram em alerta todo o estado. Prédios públicos, viadutos, estradas, ônibus e locais com veículos foram incendiados ou atingidos de alguma forma pelos grupos.

Convocados pelo governo do Ceará para reforçar a segurança pública, 800 dos cerca de 1.200 policiais militares da reserva apresentaram-se à corporação, em Fortaleza, na manhã desta sexta-feira. E 150 já voltaram a patrulhar as ruas da capital do estado, alvo de ataques criminosos organizados.

Na quinta-feira (17), o governador do Ceará, Camilo Santana, pediu ao ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, o reforço do apoio dado pelo governo federal no combate aos ataques promovidos por facções. Homens da Força Nacional de Segurança Pública reforçam as ações de seurança no Ceará desde o início deste mês.

A ofensiva teria começado em reação à nomeação do secretário de Administração Penitenciária, Luís Mauro Albuquerque, e às medidas anunciadas como a não separação de presos em presídios por facção.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Urgente: Informações indicam 3 mortos durante confusão em partida futebol na Bahia. VÍDEO

Três pessoas morreram na manhã deste domingo, 20, durante uma confusão envolvendo policiais militares e participantes de um jogo de futebol amador no bairro de Portão, em Lauro de Freitas. Um morador da região, que estava no evento e não quer ser identificado, afirma que os agentes entraram no local e atiraram contra as vítimas. “Estava tendo o baba, quando os policiais já chegaram atirando. Alguns desses tiros atingiram inocentes e mataram três pessoas”, revela. Imagens enviadas para o Portal A TARDE mostram o momento em que os jogadores contestam a presença dos policiais no local, e um dos agentes aponta a arma e dispara em direção ao grupo. Três PMs aparecem no vídeo. Assista:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

Homem é atingido por golpes de facão na cabeça em Cruz das Almas

Unidade de Pronto Atendimento de Cruz das Almas – FORTE NA NOTÍCIA

Um homem foi atingido por golpes de facão na cabeça, em Cruz das Almas, na noite sábado (19/1). A ocorrência foi registrada no Vilarejo, por volta das 22h.

A vítima é um morador do loteamento que não teve o nome divulgado. Testemunhas disseram apenas que o homem é conhecido no local pelo apelido de “Jau”. A informação foi confirmada pela polícia ao Forte na Notícia.

Com estado de saúde considerado grave, ele (vítima) recebeu os primeiros socorros na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas foi transferido pelo SAMU para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus.

A tentativa de homicídio praticada por um morador da Fonte do Doutor teria ocorrido em frente a um bar. O agressor, segundo relato da PM, fugiu do local logo após o crime, mas está sendo procurado. O caso deve ser investigado pela Delegacia Territorial.

FORTE NA NOTÍCIA

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Desastre: Acidente com ônibus clandestino lotado de sacoleiros deixa mortos na BR-146

Pelo menos duas pessoas morreram na madrugada deste domingo (20) em um acidente envolvendo um ônibus que transportava sacoleiros de Arapiraca (AL) para São Paulo (SP). O veículo perdeu o freio e tombou na pista, na altura do km 87 da BR-146, em Serra do Salitre, Alto Paranaíba. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o ônibus fazia o transporte clandestino de 48 passageiros e contava com dois motoristas. Parte dos sobreviventes foi levada com ferimentos leves para o hospital da cidade. O número de feridos não foi informado, mas nenhum estaria sob risco de morte.

Outra parcela dos ocupantes do ônibus foi encaminhada para o ginásio poliesportivo da cidade até que cada um possa ser encaminhado para a cidade de origem ou consiga seguir viagem. As duas pessoas cujas mortes foram confirmadas não haviam sido identificadas até esta publicação e os corpos permaneciam no ônibus, pois a perícia era aguardada. A polícia não descartava até o final da manhã a existência de outras vítimas do acidente sob a estrutura do ônibus, que continuava tombado na pista. Um dos condutores, de 46 anos, foi levado para a Delegacia da Polícia Civil para prestar esclarecimentos. Além de não ter autorização para fazer a linha entre Alagoas e São Paulo, o ônibus estava com os pneus carecas e aparentava más condições, conforme a PRF. A polícia também apurou que cada passageiro teria pago R$ 400 para fazer o trajeto entre Arapiraca e São Paulo.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Tristeza: Jovem passa mal durante caminhada e morre após ser socorrido em Teixeira

Na manhã desta sexta-feira (18), um jovem saiu de casa para fazer caminhada, passou mal e morreu em via pública na cidade de Teixeira de Freitas. O fato aconteceu no Bairro Bela Vista, próximo à “Feira de Domingo”, quando populares passavam pelo local, e se depararam com um jovem sentado em uma calçada com náuseas (vomitando), e queixando de dores nas pernas. Trata-se de Joabe Mendes Ribeiro, 18 anos de idade, que era morador do Bairro Vila Verde. Populares presentes ligaram para o SAMU, que deslocou uma equipe para atender à solicitação. Ao chegaram, já encontraram o rapaz desacordado, e com sintomas de reações convulsivas.

Foi prestado, de imediato, os primeiros socorros, e o jovem foi conduzido para o Hospital Municipal – HMTF, que ao dar entrada na unidade de saúde, já estava sem sinais vitais. Os médicos tentaram reanima-lo, mas, não houve êxito nas tentativas. O fato foi comunicado na Delegacia de Polícia, para a delegada plantonista, Rina Andrade, que solicitou a remoção do corpo ao IML, onde passou por necropsia, sendo liberado posteriormente aos familiares para velório e sepultamento. O laudo da necropsia, que confirmará a causa morte do jovem “Joabe”, será divulgado no prazo de 30 dias, segundo o DPT. Segundo o site Liberdade News, os Familiares informaram que o velório será na Rua Santa América, no Bairro Vila Verde, de onde sairá amanhã (sábado) para o sepultamento no Cemitério Jardim da Saudade, e convidam a todos parentes e amigos, para comparecerem neste ato de fé e solidariedade cristã.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Casos de agressão a jornalistas aumentaram 36% no ano passado

A Fenaj lançou o Relatório da Violência contra Jornalistas. E/D: a secretária geral da Fenaj, Beth Costa; a vice-presidente, Maria José Braga e o presidente, Celso Schröder (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Os casos de agressão a jornalistas aumentaram 36,36% em 2018, na comparação com o ano anterior. No ano passado, houve 135 ocorrências de violência que atingiram 227 profissionais, incluindo um assassinato. Em 2017, foram 99 registros. Os dados fazem parte do relatório divulgado hoje (18) pela Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), no Rio.

De acordo com a Fenaj, a diferença entre o número de vítimas e de ocorrências explica-se pelo fato de mais de um profissional ter sido atingido na mesma ocasião. “A violência contra profissionais de imprensa é um fator extremamente grave e muitíssimo preocupante. O crescimento em 2018 em relação a 2017 é um sinal de alerta”, afirmou a presidente da Fenaj, Maria José Braga.Segundo a Fenaj, as agressões físicas foram a forma de violência mais comum e aumentaram 13,79% no período. O relatório aponta 33 casos, que vitimaram 58 profissionais, contra 29 registros em 2017.

Com 105 vítimas, o sexo masculino foi o mais atingido (46,26%). Entre as jornalistas, houve 60 vítimas (26,43%). Os casos não identificados, quando a violência é generalizada e atinge vários profissionais e de ambos os sexos, foram 62 (27,31%).

De acordo com a Fenaj, um fato chamou a atenção: o grande crescimento no número de casos de agressões verbais, ameaças, intimidações e impedimentos ao exercício profissional. Na comparação com o ano anterior, o aumento de agressões verbais e os impedimentos ao exercício profissional mais que dobraram. Foram registradas 27 ocorrências de agressões verbais, 28 de ameaças e intimidações e 19 de impedimentos ao exercício profissional. Já em 2017, eram, respectivamente, 13, 15 e 8 casos.

Disputa eleitoral e greve
A entidade destacou ainda a influência da greve do setor de transporte, quando dezenas de profissionais foram agredidos verbal e/ou fisicamente e impedidos de realizar seu trabalho, durante a cobertura da paralisação.

Pelos dados dos sindicatos que serviram de base para o relatório, 23 ocorrências foram registradas em diversos estados. Além disso, ocorreram três atentados, 10 casos de censura, 10 ocorrências de cerceamento à liberdade de imprensa por meio de ações judiciais, uma prisão e três casos de violência contra a organização sindical dos jornalistas.

Para a Fenaj, o aumento significativo é resultado, principalmente, do ano eleitoral. Do total, 27 casos de violência foram relacionados diretamente às eleições e, 16, ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Agressores
O documento da Fenaj indica que os eleitores e manifestantes foram os principais agressores a jornalistas no ano passado. Eles praticaram 30 casos de violência contra jornalistas, o que significa 22,22% do total.

“Causou muito espanto [o fato de] que o maior agressor dos jornalistas brasileiros foi o cidadão e a cidadã comuns, ou seja, manifestantes, eleitores, trabalhadores, caminhoneiros, que nas diversas situações passaram a agredir o profissional jornalista como forma de questionar d seu trabalho”, observou Maria José.

Os policiais militares ou guardas, que costumavam ficar no topo da lista de agressores nos últimos anos, desta vez ficaram em terceiro lugar e empataram com os empresários, inclusive os da comunicação, com 13 agressões (9,63% do total) em cada uma dessas categorias.

A presidente da Fenaj destacou ainda os ataques virtuais. Segundo Maria José, as redes sociais viraram o território do indivíduo agressivo. “Do mesmo jeito que é possível fazer um debate público interessante, é possível também ser um espaço da disseminação do ódio e do ataque puro e simples acreditando-se em um presumível anonimato, que não existe. Para nós, da Federação dos Jornalistas, o ataque virtual é igualmente sério, precisa ser identificado e punido na medida da agressão.”

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Tragédia: Identificado o jovem de Vitória da Conquista que morreu afogado em Ilhéus

O jovem Henrique Lemos Lima, de idade não revelada, se afogou na praia do Batuba, zona sul de Ilhéus, por volta das 10hs, desta sexta-feira, 18. De acordo com informações de pessoas próximas, a vítima, que é natural de Vitória da Conquista, estava em Ilhéus a trabalho, quando decidiu tomar um banho na praia. Mas infelizmente, foi puxado pela correnteza. O SAMU chegou a ser acionado, mas com a demora de chegar no local, a vítima não resistiu e veio a óbito. O corpo foi removido para o departamento de polícia técnica de Ilhéus para necrópsia. Não existem detalhes ainda sobre a liberação e traslado do corpo de Henrique. As informações são do FRNotícias. Em antecipado nos solidarizamos com os familiares da vítima. Fonte: VCN

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Imagens fortes: Homem é assassinado a tiros enquanto pilotava moto em Feira. VÍDEO

Um homem foi assassinado na tarde desta quinta-feira (17) em uma sinaleira em frente a um atacadão na Avenida de Contorno, em Feira de Santana. De acordo com o delegado Luiz Filgueiras, Felipe Santana Santos, 26 anos, estava trafegando na motocicleta XRE preta, de placa JSP 3953, e os bandidos chegaram de moto e dispararam contra ele atingindo costas e cabeça. Ainda segundo o delegado, a vítima parou a motocicleta e foi abordada. Assista com cautela . Imagens fortes:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

:: LEIA MAIS »

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia