A jovem Mariane Carvalho, de 27 anos, que morreu na última quarta-feira (22), após ficar 18 dias na UTI do Hospital de Base, em Vitória da Conquista, também foi roubada pela amiga que é suspeita de ter agredido e matado a moça.

De acordo com as informações publicadas por uma familiar da jovem em uma rede social, a autora a agrediu com uma garrafa, provocando cortes no rosto e na testa, além da ruptura de duas artérias da mão. A vítima ainda foi agredida no tórax, o que provocou uma pneumotórax, levando a jovem a óbito.

O fato teria acontecido nas proximidades de um bar, no bairro Recreio. Além de ter sido agredido e mora, Mariane ainda teria sido roubada pela autora do crime.

Ela teria levado R$ 1.300 e objetos pessoais de Mariane, incluindo o anel de formatura dela.

Mariane era formada em enfermagem e se mudou de Montes Claros, em Minas Gerais, para Vitória da Conquista em busca de trabalho. Ela passou anotar com a autora do crime que era sua amiga.

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

// Blog do Sena