Agentes da PF são recebidos a tiros na Rocinha em operação contra fraude no auxílio emergencial

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (10) a operação Segunda Parcela para combater fraudes no auxílio emergencial em 14 estados. No Rio de Janeiro, as polícias Militar e Federal foram recebidas a tiros na Rocinha, na Zona Sul.

Moradores da região relataram disparos de arma de fogo, sons de explosivos e fogos de artifício por volta das 6 horas da manhã, de acordo com informações publicadas pela Band.

APF disse que, de forma preventiva, bloqueou ou cancelou o cadastramento de mais de 3,82 milhões de pedidos irregulares.

No Rio, os agentes cumprem quatro mandados de prisão e quatro de busca e apreensão. Foi determinado o bloqueio de pelo menos R$ 650 mil.

WhatsApp oficial 77 98838-2781 

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook