Uma emenda da bancada baiana ao orçamento da União de 2011, apresentada pelo então senador ACM Júnior, garantiu o início das obras do novo aeroporto de Vitória da Conquista, que será inaugurado na próxima semana. De acordo com o deputado federal Elmar Nascimento, líder do DEM na Câmara, o valor empenhado foi de R$ 40 milhões, mas metade deste montante foi cancelada pela então presidente da República, Dilma Rousseff (PT).

“Foi esse recurso que garantiu o início das obras. Vale lembrar que a emenda articulada pelo senador ACM Júnior foi de R$ 50 milhões, mas o valor foi reduzindo para cerca de R$ 40 milhões pelo ex-deputado petista Geraldo Magela, então relator do orçamento”, conta o parlamentar.

Elmar explica que o empenho dos R$ 40 milhões foi feito em 2012, com cancelamento da metade. Os R$ 20 milhões restantes foram incluídos em Restos a Pagar de 2013. O pagamento foi feito entre os anos de 2014 e 2015, em duas parcelas de R$ 11,1 milhões e R$ 8,9 milhões.

O deputado critica o governador Rui Costa (PT) por tentar se apropriar de uma obra cujos recursos foram, em sua maioria, do governo federal. “No total, a União investiu mais de R$ 76 milhões no terminal de Conquista, o que representa quase a totalidade dos recursos aplicados. Sem o esforço do governo federal em destinar esse montante para Conquista, num momento de recessão econômica, o aeroporto não teria saído do papel”, ressalta.

 Com informações do Blog do Rodrigo Ferraz.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook