Na noite desta terça-feira (18), a equipe de motociclistas e batedores da Polícia Rodoviária Federal (PRF) tomaram as ruas de Salvador para garantir segurança e agilidade no deslocamento da seleção da Venezuela até a Arena Fonte Nova, para disputar a partida Brasil x Venezuela na Copa América 2019.

A escolta foi iniciada por volta das 18h48, com um percurso de 29 km, embora em horário de intenso tráfego da capital baiana, os motociclistas e batedores da PRF interromperam momentaneamente as principais via de acesso por onde a seleção passou, chegando ao destino em 37 min.

A celeridade do trajeto foi resultado de um trabalho previamente planejado que levou em consideração não só a necessidade de fluidez no deslocamento, mas também a retomada rápida do tráfego no local. De fato, a equipe de escolta da PRF é um time ágil e que “chega sempre na frente”.

Ainda, para garantir a segurança dos jogadores e comitiva, dos torcedores no entorno do estádio e ao longo do caminho, bem como, dos PRFs envolvidos na ação, a escolta contou também com policiais do Grupo de Policiamento e Fiscalização, do Grupamento de Choque, do Atendimento Pré-Hospitalar e socorristas do SAMU. Além disso, as equipes em solo tiveram o apoio Helicóptero Bell 407, que durante a Copa América atuará no monitoramento das vias, auxílio na verificação da fluidez das rotas e, também no transporte aeromédico.

Assim como ocorreu no último sábado (15), quando a PRF escoltou a seleção da Colômbia para a partida contra a Argentina na Arena Fonte Nova, nenhuma intercorrência foi registrada durante a escolta desta terça (18). O que se viu mais uma vez, especialmente na chegada ao estádio, foi uma grande festa do futebol.

PRF na Copa América: nosso time joga em sua defesa.

Para mais fotos acesse:https://photos.app.goo.gl/k4NeLeFpbUbkXhTa9