A Prefeitura Municipal de Caatiba se utilizou das redes sociais para esclarecer o equivoco envolvendo a agenda de Shows do cantor Mano Walter publicada em sua página oficial do Instagram, que incluiu o município na rota de apresentações do artista para o dia (31) de março, data em que a cidade estará comemorando seu 58º aniversário de emancipação política.

Diante do equívoco a prefeitura de Caatiba, através da assessoria de comunicação do município desmente a publicação em nota de esclarecimento. veja a nota:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Por se tratar de um artista de grande sucesso a nível nacional, seu roteiro de shows foi visualizado e compartilhado pela cidade, chegando a repercutir por toda região, ganhando grandes proporções. Ao tomarmos conhecimento de tal fato, fizemos inúmeras tentativas de contato com a assessoria do artista para que fosse retirado da sua agenda o nome da cidade de Caatiba, uma vez que a atração em questão não faz parte da programação dos festejos da cidade e nem tampouco poderia fazer por se tratar de um show de alto cachê, totalmente inviável para a realidade do município.

A situação supracitada vem trazendo transtornos para administração pública, em diversos aspectos, chegando até ao Legislativo municipal que também tem sido questionado por populares que visualizam a incompatibilidade da “contratação” de um Show de valor exorbitante e discordante com os recursos recebidos pelo município. Pelos fatos aqui relatados, fizemos a solicitação ao senhor Netinho Lins, assessor do cantor Mano Walter a correção da agenda de shows, para que assim ficasse claro que Caatiba não terá a apresentação do artista em seu evento do dia 31 de março.

Sem obter o retorno necessário e devido até a presente data, a Prefeitura de Caatiba, na pessoa de sua representante legal Maria Tânia Ribeiro em virtude de está sofrendo inúmeras críticas e sendo alvo de ameaças de ser denunciada ao Ministério Público, adotará medidas judiciais cabíveis, movendo uma ação contra a produtora do artista Mano Walter, pelos prejuízos à sua figura pública e política.

Esclarece a nota.