WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Março 2019
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  


:: 3/mar/2019 . 13:34

Henrique Dourado marca em estreia na China, mas sofre fratura e deixa campo de ambulância

Apesar de ter cumprido sua missão de balançar as redes, Henrique Dourado teve uma estreia dolorosa no futebol chinês. Em seu primeiro jogo pelo Henan Jianye, o ex-atacante do Flamengo demorou apenas 26 minutos para marcar um gol, mas sofreu uma fratura na tíbia ainda no primeiro tempo e precisou deixar o gramado de ambulância, chorando muito.

O Ceifador foi vítima de uma entrada forte de Qin Sheng, aos 40 minutos do primeiro tempo, e logo caiu levando as mãos à perna direita. Ao receber atendimento médico, o brasileiro chorou bastante e deixou o campo de maca, sendo levado direto para uma ambulância. Segundo comunicado do clube, ele teve constatada uma fratura na tíbia e precisará passar por uma cirurgia.

Horas depois do jogo, Dourado recebeu a visita de Qin Sheng, capitão do Dalian Yifang, que pediu desculpas pelo lance que gerou a fratura no atacante. O jogador foi punido apenas com um cartão amarelo.

Antes do lance que originou sua fratura, Dourado já havia sofrido uma falta dura na entrada da área, que originou o seu primeiro gol no futebol chinês e levou à expulsão do zagueiro Yang Shanping, que levou o segundo cartão amarelo. Após a cobrança, Dourado tentou desviar para o gol, a zaga não conseguiu cortar, e ele aproveitou o rebote para chutar para o fundo das redes.

VÍDEO: Buraco faz van de Vitória da Conquista sair da pista na BA-270, próximo à Potiraguá

Um acidente envolvendo uma van de Vitória da Conquista foi registrado no entroncamento das rodovias BA-263 e BA-270, entre Itapetinga e Potiraguá, na madrugada deste sábado (2). Segundo relatos de testemunhas, o condutor seguia em comboio rumo às praias do sul, em que esta estrada é muito utilizada, principalmente nos feriadões, quando por volta das 4 horas da madrugada o veículo passou por um buraco. Assista:

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

:: LEIA MAIS »

Prefeitura registra queda em número de atendimentos de saúde em postos no Carnaval

Os módulos assistenciais de saúde localizados nos circuitos do Campo Grande, Barra e Pelourinho registraram 1,1 mil atendimentos no acumulado desde o primeiro dia de carnaval em Salvador. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) registra uma redução de 0,72% quando comparado com o mesmo período do ano passado.

Os casos clínicos continuam liderando as ocorrências com 75,7% (883), seguidos pelas intervenções bucomaxilofaciais (125), demandas ortopédicas (85) e cirúrgicas (51). As agressões físicas contabilizaram 158 demandas, uma redução de quase 2,5% em relação aos dados acumulados de 2018. Intoxicação alcoólica (149), dores (102) e ferimento acidental (82) foram as demais demandas mais atendida.

Somente na sexta-feira (1º), foram atendidas 703 pessoas em módulos assistenciais, a maioria foram atendimentos clínicos. Houve uma redução de atendimentos por agressões com arma branca. “Isso graças às intervenções realizadas pela Prefeitura para garantir a segurança do folião, como a apreensão nos circuitos pela Guarda Municipal de quase 590 objetos com potencial de arma branca”, acrescentou Luiz Galvão, secretário municipal da saúde.

Os módulos Farol da Barra, Ademar de Barros (158), Sabino Silva (114), Morro do Gato (84), Shopping Barra (77) e Piedade (74) lideraram com o maior número de ocorrências, respondendo juntos por 66,5% das mesmas. Mesmo a faixa etária jovem de 20–29 anos (37,09%) permanecendo como preponderante, o sexo masculino passou a corresponder ao maior número de atendimentos, com percentual de 52,36%. 41 pacientes necessitaram de transferência, principalmente para avaliação especializada (8), radiológica (2) e tomográfica (2). A maioria deles foi encaminhada para o Hospital Geral do Estado (16) e UPA Vale dos Barris (6).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Supermercado é o lugar que deve concentrar a maior parte das compras para o Carnaval

O Carnaval está chegando e muitos brasileiros já se preparam para a maior festa popular do país — seja para curtir os bloquinhos, seguir os trios elétricos ou apenas descansar durante o feriado prolongado. Um levantamento feito pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em todas as capitais mostra que seis em cada dez consumidores (62%) pretendem cair na folia pelos próximos dias. Entre os que devem participar das festividades, 37% acompanharão os blocos de rua, 17% vão a bailes em clubes ou boates, enquanto 12% planejam assistir aos ensaios das escolas de samba. Já 9% aproveitarão a festa atrás de trios elétricos e 9% querem desfilar na avenida. Em contrapartida, 27% disseram que ficarão de fora das festividades.

Por ser um feriado prolongado, o período de Carnaval acaba levando muitas pessoas a viajar. Dados da pesquisa apontam que 39% dos entrevistados devem sair de suas cidades na data, enquanto 31% aproveitarão as comemorações no próprio lugar onde moram e 20% ficarão em casa. Os locais de hospedagem mais citados são casa de familiares e amigos (37%), hotéis ou pousadas (28%) e apartamentos, sítios ou casas alugadas (16%).

Outro grande destaque deste Carnaval devem ser as redes sociais: 88% de quem vai entrar na folia pretende usar alguma rede social para postar ou interagir com outras pessoas e, entre estes, 70% admitem que são influenciados por postagens e comentários de amigos, famosos ou empresas para a compra de produtos ou serviços no Carnaval.

Gasto médio com a folia será de R$ 634; cerveja, comidas fora de casa, água e energéticos estão entre produtos mais procurados

No total, o gasto médio do consumidor durante todo o período de Carnaval deve ser de R$ 633,97, mas 40% dos entrevistados ainda não definiram a quantia. O consumo de bebidas, como cerveja (49%), água, sucos ou energéticos (46%) e refrigerantes (42%), além de comidas ou lanches fora de casa (49%) e itens para churrasco (40%) serão os produtos mais consumidos no Carnaval deste ano. Os que vão comprar fantasias ou adereços formam 28% da amostra. Considerando os serviços, dentre os mais procurados, destacam-se bares e restaurantes (40%), táxis ou serviços de transporte por aplicativos (37%), ingressos para festas (21%) e hospedagens em hotéis ou pousadas (17%).

Para a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti, o Carnaval representa um grande potencial de negócios para os empresários. “Mais do que uma grande festa, o Carnaval impulsiona muitos setores da economia, especialmente o comércio e serviços, além da indústria do turismo, que comemoram o enorme alcance da data e se preparam para atender a uma demanda de consumo diversificada”, afirma a economista.
63% dos foliões concentrarão compras em supermercados; lojas de rua e internet também aparecem entre principais lugares 

supermercado é o lugar que deve concentrar a maior parte das compras ligadas ao Carnaval, com 63% das menções. Em segundo lugar aparecem as lojas de rua (32%) e em terceiro a internet ou lojas virtuais (23%). O comércio ambulante vem em seguida, com 20%. Além disso, sete em cada dez (69%) consumidores afirmaram que vão pesquisar preços antes de comprar, seja produtos e serviços (51%) ou custo com viagens (20%).

O levantamento também revela que 66% dos entrevistados têm a sensação de que os produtos e serviços ligados ao Carnaval custarão mais caros este ano em relação ao ano passado. Quanto às despesas com comida e bebida, a pesquisa indica que a maioria tem a intenção de pagar à vista, seja em dinheiro (64%) ou no cartão de débito (46%). Para quem vai viajar, o dinheiro será a principal forma de pagamento (47%), enquanto 40% pretendem optar pelas parcelas no cartão de crédito e 35% pelo cartão de débito.

21% dos consumidores não sabem se despesas caberão no bolso; Carnaval de 2018 deixou 13% dos foliões com nome sujo

A pesquisa demonstra que a empolgação com os gastos de Carnaval pode comprometer as finanças do brasileiro. Apesar de a maioria dos gastos (78%) dos foliões estarem dentro do orçamento, 21% das pessoas ouvidas disseram que vão aproveitar a data mesmo sem ter estipulado um limite de gastos ou guardado dinheiro para isso.

De fato, 27% dos consumidores que terão gastos no Carnaval deste ano admitem extrapolar o orçamento quando festejam a data, sobretudo com comidas e bebidas (20%). Um dado preocupante é que 30% dos que vão ter gastos no Carnaval deste ano possuem contas em atraso e entre estes a maioria (71%) possui o CPF em cadastros de inadimplentes.

O Carnaval passado mostra que o excesso de gastos não planejados no orçamento pode complicar a vida financeira do consumidor. Dados do levantamento revelam que 13% dos brasileiros que fizeram compras na folia de 2018 ficaram com o nome sujo.

O educador financeiro do portal ‘Meu Bolso Feliz’, José Vignoli, alerta para os excessos durante a folia e que podem custar caro ao bolso do consumidor. “O Carnaval é um momento de descontração, mas se deixar levar pela empolgação, o risco é passar o resto do ano com dívidas que vão comprometer o orçamento. É necessário planejar os gastos com antecedência e evitar que a festa de alguns dias se transforme em um pesadelo de vários meses”, orienta Vignoli. Fonte: CNDL

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Carnaval deve movimentar R$ 7 bilhões e gerar 23 mil empregos, estima CNC

A movimentação financeira no Carnaval de 2019 vai crescer 2% após 3 anos consecutivos de queda. A CNC – Confederação Nacional de Comércio de Bens, Serviços e Turismo, estima que o setor deve faturar R$6,78 bilhões durante o feriado.

O fraco desempenho dos últimos anos, a recuperação gradual do mercado de trabalho, somado à inflação baixa e à alta do dólar explicam o aumento da movimentação financeira neste Carnaval, segundo o economista chefe da CNC, Fábio Bentes.

Só o setor de alimentação deve movimentar mais de R$4 bilhões. O segundo mais beneficiado é o setor do transporte rodoviário, que deve alcançar R$ 859 milhões em movimentações.

O economista da Confederação responsável pela pesquisa, Fábio Bentos, diz que a maioria dos 23 mil empregos temporários previstos para o período vem do setor de bares e restaurantes. O especialista lembra que o número de vagas criadas pode chegar à metade do que foi gerado na folia de 2014, quando 55 mil pessoas foram contratadas.

Os estados do Rio de Janeiro e de São Paulo, cada um, deve movimentar cerca de R$2 bilhões neste Carnaval. Em seguida, estão os estados de Minas Gerais, Bahia, Ceará e Pernambuco.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Saiba o mal que provoca a mistura de bebidas alcoólicas

Durante o carnaval, por conta da euforia da festa, é natural que os foliões procurem mais por bebidas alcoólicas. É necessário, entretanto, cuidado com a mistura de diferentes tipos de bebida e com os drinques artesanais sem procedência, que podem ter na sua composição substâncias tóxicas.

“Existem várias maneiras de adulteração nas bebidas e, em todas elas, o consumidor está arriscado a ingerir algo desconhecido”, explicou a perita criminal Maiana de Araújo Teixeira, da Coordenação de Bromatologia Forense, do Departamento de Polícia Técnica, acrescentando que, não se sabendo a procedência, deve-se evitar a compra de qualquer bebida já colocada em copos e de destilados com preços muito abaixo do mercado.

Ainda segundo a perita, certas substâncias misturadas ao álcool resultam em grandes danos a saúde. “Utilizam-se fermentação e destilação no processo para a fabricação de uma bebida alcoólica e a combinação com outras coisas produzem, no mínimo, uma maior ressaca e fortes dores de cabeça. E se a mistura contiver metanol, altamente tóxico, pode causar cegueira e até a morte”, explicou.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

 

Veja as principais manchetes dos jornais deste domingo (03)

A Tarde:

Desemprego atinge 12,7 milhões no País

:: LEIA MAIS »

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia