As vítimas são Adeilton Cardoso Santos, de 39 anos e Alan Oliveira Santos, de 15. Encapuzados invadiram a residência enquanto dormia. O pai já havia sobrevivido a um atentado.

CLIQUE AQUI, imagens fortes.

Por volta das 4h da manhã de hoje (13), homens encapuzados invadiram uma residência no Bairro Daniel Gomes, próximo ao campo de futebol. As vítimas Adeilton Cardoso Santos,39 e Alan Oliveira Santos,15. Adeilton era cadeirante, por haver sofrido uma tentativa de homicídio há alguns anos, de acordo com à Polícia o mesmo já tinha antecedentes por tráfico de drogas, ele já havia sofrido um atentado em 2015, que o deixou paraplégico; mas de acordo informações, ele continuava atuando no mundo crime. Após terem quebrado o cadeado, entraram atirando nas duas vítimas que estavam dormindo no local.

O adolescente foi assassinado com dois tiros, um deles atingiu o coração. Segundo informações dos moradores, os dois eram pais e filho. Os moradores da localidade, informaram que vários homens encapuzados, chegaram em um carro, quebraram o cadeado, arrombaram a porta e começaram a disparar, segundo eles foram muitos tiros. Estavam na casa apenas eles. Segundo o Itabuna24horas, Parentes da vítima informaram que Alan, não tinha envolvimento com as atividades do pai, que era um menino bom e estudioso e lamentavam muito pela barbárie que fizeram ao garoto.

O avô que esteve presente no local, disse que mataram um inocente. Professores do Cedep, onde Alan estudava, ao saber da notícia, ficaram comovidos, pois segundo a diretoria, ele era um ótimo aluno, desenhava muito bem e estava fazendo um curso para desenhista. A Polícia Militar e o Departamento de Perícia Técnica (DPT), chegaram ao local, após aviso de populares. Os corpos foram encaminhados ao DPT.