O travesti identificado como Edmilson Assunção Moreira, foi morto a tiros na madrugada deste domingo (16), às margens da BR-101 (cenas fortes).

O crime ocorreu perto do Posto Atalaia, na entrada de Itabuna. A vítima frequentava o local há muito tempo, fazendo programas sexuais, segundo testemunhas, que apenas ouviram os tiros.

A motivação do crime ainda é desconhecida. Mas a hipótese de crime de homofobia é uma das direções seguidas pelos investigadores. Edmilson foi atingido por três disparos de arma de fogo, no abdômen e no braço, morrendo no local. O corpo foi removido para o Departamento de Polícia Técnica. Foi o 3º homicídio no mês de abril e o 45º de 2017 em Itabuna.