WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia



dezembro 2018
D S T Q Q S S
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  



evolution jeans

Botafogo acerta empréstimo de ex-meia do Bahia

O Botafogo acertou nesta quarta-feira (12) a contratação de um reforço. Trata-se de um velho conhecido da torcida do Bahia.

Ex-Tricolor, Gustavo Ferrareis defenderá o Alvinegro em 2019. O meia foi emprestado pelo Internacional, com quem tem contrato.

Ferrareis, de 22 anos, defendeu o Esquadrão em 2017, mas não deixou saudades. Neste ano, ele atuou pelo Figueirense na Série B.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Mais de 250 cidades baianas estão em alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya

A Bahia tem 255 cidades em situação de alerta ou risco de surto de dengue, zika e chikungunya, segundo dados do Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) divulgados ontem (12) pelo Ministério da Saúde.

Das cidades destacadas no estado, 186 estão em alerta, incluindo Salvador. Outras 69 têm risco de surto das doenças.

Na Bahia, a maior parte dos criadouros do Aedes aegypti foi encontrada em depósitos de água (5.427), seguida por depósitos domiciliares (1.735) e lixo (490).

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Atlético-PR vence o Junior Barranquilla nos pênaltis e é campeão da Sul-Americana

É campeão! O Atlético-PR conquistou na noite desta quarta-feira (12) seu primeiro título internacional. O Furacão venceu o Junior Barranquilla, da Colômbia, nos pênaltis, e faturou a Copa Sul-Americana.

No tempo regulamentar, o artilheiro Pablo abriu o placar para o time paranaense. Mas, Téo Gutiérrez empatou.

A partida foi para a prorrogação e os colombianos tiveram a chance de conquistar o título. Aos seis minutos do segundo tempo, Barrera isolou uma cobrança de pênaltis e manteve a equipe brasileira viva para as cobranças de pênaltis.

Nas penalidades, o Atlético-PR levou a melhor e venceu o Barranquilla por 4 a 3 para sagrar-se campeão.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Procura por curso de ensino superior na modalidade ‘tecnológica’ dobra em 10 anos

O número de alunos que ingressaram em cursos de graduação tecnológica no Brasil cresceu 119,4% entre 2007 e 2017, de acordo com o Censo da Educação Superior. Foi a modalidade de educação superior que registrou o maior crescimento percentual no período.

Apesar de estar atrás dos cursos de bacharelado, que concentraram 60,1% dos ingressantes em 2017, e dos de licenciatura, que ficaram com 20,1%, os de grau tecnológico apresentaram o maior aumento percentual de procura.

No Brasil, existem três modalidades de ensino superior. Bacharelado e licenciatura têm duração similar, de em média quatro anos, podendo chegar a seis. Já os cursos tecnológicos variam de dois a três anos, mas são igualmente reconhecidos pelo MEC como graduação, podendo o aluno, depois de concluir, seguir direto para uma pós graduação, por exemplo.

O número de concluintes da modalidade tecnológica também dobrou no período, saltando de 84.341 em 2007 para 196.999 em 2017. Já as matrículas cresceram 140%.

Em 2018, foram 310.226 inscrições para cursos de graduação tecnológica no Sisu. Mais da metade delas, 51%, se concentrou nos seguintes cursos:

Análise e desenvolvimento de sistemas
Gestão pública
Alimentos
Gestão ambiental
Gestão de turismo
Radiologia
Logística
Redes de computadores
Automação industrial
Sistemas para internet

Dos 10 cursos mais procurados em 2016, apenas três aparecem nos preferidos do Sisu 2018. Gestão de recursos humanos, campeão do ranking há dois anos, e empreendedorismo, que ocupou o segundo lugar, foram dois dos que não entraram no top 10 do último Sisu. Análise e desenvolvimento de sistemas, o campeão em 2018, ocupava o terceiro lugar em 2016.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Vitória renova com goleiro João Gabriel até 2021

O Vitória renovou o contrato do goleiro João Gabriel. Anúncio foi feito pela conta do clube no Instagram na noite de hoje (12).

De acordo com a publicação, o goleiro assinou contrato definitivo com o time baiano até o dezembro de 2021.

Revelado nas divisões de base do rubro-negro, João Gabriel estava atuando pelo clube por empréstimo do Cianorte (PR) desde julho deste ano.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Começa nesta quinta-feira pagamento do sexto lote do Abono Salarial PIS de 2017

O pagamento do sexto lote do Abono Salarial PIS (Programa de Integração Social) 2018-2019, referente ao exercício de 2017, começa nesta quinta-feira (13/12). O valor será disponibilizado para saque aos trabalhadores nascidos em dezembro que estejam cadastrados no programa. Para os servidores públicos, que são inscritos no Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público), não haverá mais saques neste ano.

A estimativa do Ministério do Trabalho é que mais de R$ 1,3 bilhão sejam pagos a aproximadamente 1,7 milhão de trabalhadores. Os correntistas da Caixa Econômica Federal, instituição bancária responsável pelo pagamento do PIS, tiveram os valores depositados em suas contas na última terça-feira (11).
Têm direito ao Abono Salarial PIS 2018-2019 os trabalhadores inscritos no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos, que tenham trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias naquele ano, com remuneração mensal média de até dois salários mínimos e que tiveram seus dados informados corretamente pelo empregador à Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O valor do benefício é proporcional ao tempo trabalhado formalmente em 2017. Assim, quem esteve empregado o ano todo recebe o valor cheio, equivalente a um salário mínimo (R$ 954). Quem trabalhou por apenas 30 dias recebe o valor mínimo, que é de um doze avos do salário mínimo, e assim sucessivamente.

Com a liberação do sexto lote, o Abono Salarial 2017 já contemplou os nascidos entre julho e dezembro. Em 2019, o benefício será concedido aos trabalhadores nascidosde janeiro a junho. O prazo final de recebimento para todos os trabalhadores favorecidos pelo programa é 28 de junho de 2019.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Ex-Vitória, Ednei acerta com o Botafogo-SP para a próxima temporada

O zagueiro Ednei, 28, acertou com o Botafogo-SP para a próxima temporada. O atleta ficará no Pantera até o final do Campeonato Brasileiro da Série B.

O último clube de Ednei foi o Cuiabá-MT, onde conquistou o acesso à Série B e o vice-campeonato da Série C do Brasileiro. Natural de Senhor do Bonfim, ele passou pelo Vitória em 2014 e 2015. Ele também vestiu as camisas do CRB, Atlético Goianiense, Osasco Audax-SP, Coritiba, Linense-SP, Bragantino-SP e Tombense (MG).

“Venho para o Botafogo buscando manter a boa fase que tive no Cuiabá, sei da importância e tradição do clube e vou trabalhar forte para conquistar todos os objetivos” afirmou o zagueiro.

Além da Série B, o Botafogo de Ribeirão Preto também disputará o Campeonato Paulista.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Endurecimento da ditadura de 64, AI-5 completa hoje 50 anos

O dia 13 de dezembro de 1968 foi marcado pela publicação do Ato Institucional de nº 5, o instrumento normativo utilizado pela ditadura militar que mais reprimiu e restringiu as liberdades individuais no Brasil. O AI-5, como ficou conhecido, foi baixado pelo então presidente Artur da Costa e Silva, segundo militar a comandar o país após o golpe de 64.

O documento, que dava o poder ao presidente de fechar o Congresso Nacional e as Assembleias Legislativas, além de censurar previamente músicas, peças de teatro, cinema e produções de televisão, foi elaborado pelo então ministro da Justiça Luís Antônio de Gama e Silva.

O registro determinava ainda ser ilegal reuniões políticas não autorizadas pela polícia e determinava toque de recolher em todo país. O período, conhecido ainda como os “anos de chumbo”, estabelecia que o presidente poderia suspender os direitos políticos de qualquer cidadão que fosse considerado subveresivo.

A reportagem da jornalista Maria Luísa Barsanelli, do jornal Folha de S. Paulo, aponta o que ocorreu nos momentos anteirores ao ato: “de fato, o ano que precedeu o AI-5 já dava sinais do recrudescimento no horizonte. Em janeiro, a censura tirou de cartaz uma montagem de ‘Um Bonde Chamado Desejo’, de Tennessee Williams. O caso gerou repercussão e acirrou os ânimos entre governo e artistas.”

Com o recrudescimento da ditadura, o ano de 1968 ficou conhecido como “o ano que não acabou”. Historiadores apontam, de acordo com a Fundação Getúlio Vargas, que “a gota d’água para a promulgação do AI-5 foi o pronunciamento do deputado Márcio Moreira Alves, do MDB, na Câmara, nos dias 2 e 3 de setembro, lançando um apelo para que o povo não participasse dos desfiles militares do 7 de Setembro e para que as moças, ‘ardentes de liberdade’, se recusassem a sair com oficiais”.

“Na mesma ocasião outro deputado do MDB, Hermano Alves, escreveu uma série de artigos no Correio da Manhã considerados provocações. O ministro do Exército, Costa e Silva, atendendo ao apelo de seus colegas militares e do Conselho de Segurança Nacional, declarou que esses pronunciamentos eram ‘ofensas e provocações irresponsáveis e intoleráveis’. O governo solicitou então ao Congresso a cassação dos dois deputados. Seguiram-se dias tensos no cenário político, entrecortados pela visita da rainha da Inglaterra ao Brasil, e no dia 12 de dezembro a Câmara recusou, por uma diferença de 75 votos (e com a colaboração da própria Arena), o pedido de licença para processar Márcio Moreira Alves. No dia seguinte foi baixado o AI-5, que dava plenos poderes ao presidente”, assinala a FGV.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Boxe: Robson Conceição vai enfrentar mexicano em janeiro

O pugilista baiano Robson Conceição vai encarar o mexicano Hector Ambriz Suarez na sua próxima luta profissional de boxe. O combate está marcado para acontecer no dia 18 de janeiro, uma sexta-feira, na cidade de Nova York, nos Estados Unidos.

Em busca do sonhado cinturão, Robson Conceição, de 30 anos, tem um cartel de dez vitórias, sendo cinco por nocaute. Já Hector Ambriz Suarez, de 23 anos, é um pouco mais experiente e acumula 12 vitórias, sendo seis por nocaute, oito derrotas, duas por nocaute, e dois empates. Porém, ele vem de quatro derrotas e um empate nas cinco lutas que fez neste ano. A última vitória foi em outubro de 2017.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

Temer sanciona lei que destina verba de loterias para segurança

O presidente Michel Temer sancionou na tarde de hoje (12) lei que destina receitas da arrecadação de loterias para a segurança pública, bem como para os ministérios do Esporte e da Cultura. Essas duas últimas já recebiam recursos das loterias da Caixa Econômica Federal. A Medida Provisória (MP) 846, que trata do tema, foi aprovada pela Câmara em 21 de novembro, e no Senado no mesmo dia, seguindo para sanção presidencial.

O Ministério da Segurança Pública ficará com cerca de 9,4% da arrecadação bruta das loterias existentes. De acordo com o ministro Raul Jungmann, o setor terá cerca de R$ 4,2 bilhões de receita oriunda dessa lei até 2022. Apenas para o ano que vem, serão cerca de R$ 2 bilhões.

Da verba destinada à segurança pública, metade vai para os estados. A outra metade será dividida em 20% para programas de qualidade de vida dos policiais, agentes de segurança e agentes penitenciários e 30% para gestão do governo federal. A União, segundo Jungmann, poderá fazer convênios com os estados e municípios ou então a compra direta.

Anteriormente, Temer havia editado a MP 841 que criava o Fundo Nacional de Segurança Pública com recursos das loterias federais e tirava recursos das pastas da Cultura e do Esporte. A MP 846, assinada pelo presidente Michel Temer no final de julho, voltou a destinar recursos das loterias federais para os ministérios do Esporte e da Cultura, além de alocar parte dessa verba na área da segurança pública.

Na cerimônia de sanção da lei, Jungmann, exaltou as providências do governo Temer para federalizar a segurança pública. Para ele, o que se fazia antes era um “federalismo acéfalo”. “Se na saúde o processo de construção do SUS foi liderado pela União; se isso aconteceu na assistência, cultura e esportes e nunca na segurança pública, o governo federal teve responsabilidade [de fazer]. Hoje temos uma Política Nacional de Segurança Pública. É lei, institucional e vai dar rumo à segurança pública no Brasil”.

Jungmann se despede
Temer exaltou o trabalho de Jungmann à frente da pasta, logo após o ministro afirmar que tem intenção de se afastar da vida pública. “Raul está comigo desde o primeiro instante como ministro da Defesa. E depois, quando resolvi criar um ministério da Segurança Pública eu disse ‘preciso de você’. Ele foi para a segurança e fez um belíssimo trabalho. Lamento tê-lo visto se despedindo da vida pública. Não creio que isso vá acontecer. Tantos são seus valores que ele será chamado em determinado momento”.

Jungmann chegou a se emocionar em seu discurso durante a cerimônia. Após a solenidade, reafirmou aos jornalistas seus planos de se afastar do serviço público. “Não tenho nada definido, apenas gostaria de voltar para o setor privado”. No próximo governo, a pasta de Segurança Pública será incorporada ao Ministério da Justiça, sob o comando de Sergio Moro.

Transição
Em seu discurso, Temer também reafirmou que está fazendo uma transição “civilizada e cordial” e que entrega um país melhor do que encontrou. “Pegamos uma estrada esburacada e estamos entregando uma estrada asfaltada para o novo governo”.

Participe do nosso Grupo no WhatsApp

Siga nosso Instagram

Curta nossa Pagina no Facebook

blog do marcelo




WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia